Matteus fala sobre sua relação com Deniziane: ‘Um vazio no peito’

Brother compareceu ao Bate-Papo BBB e confessou sobre o ‘término’ com Deniziane, mas deu esperanças para o novo casal ‘Mabelle’

PUBLICIDADE

Foto do author Redação
Por Redação

O vice-campeão do BBB 24, Matteus, foi ao Bate-Papo BBB logo após a final, nesta terça-feira, 16. Durante o programa, apresentado por Thais Fersoza e Ed Gama, ele se emocionou com o recado que recebeu da mãe, e agradeceu ao apoio dos fãs, falando também sobre sua relação com Deniziane e Isabelle.

Matteus Alegrete Bate-Papo BBB Foto: @gshow Via Twitter

PUBLICIDADE

Matteus entrou junto de Isabelle, que ficou em terceiro lugar no reality. Antes de sua conversa no bate-papo, ele brincou com a mãe de Isabelle: “Se a senhora liberar de eu poder ficar mais pertinho da sua filha”. E explicou que tem interesse em continuar com Isabelle.

A participante elogiou Matteus. “É um príncipe, é uma pessoa muito incrível. Foi meu adversário por um longo tempo, até mais da metade do jogo, mas tem um coração muito lindo. Me conquistou”.

Sobre seu relacionamento com Deniziane, que acabou pouco antes da eliminação da sister, Matteus comentou que ficou abalado. “Passei uns dois, três dias com um vazio no peito que só eu sabia”, disse. Em seguida, completou que Deniziane era seu pódio e que se sentiu “culpado” por sua eliminação. “Na hora me doeu, sabe? Porque sou humano”, completou.

A mãe de Matteus mandou um recado para o brother durante o Bate-Papo: “Tô muito orgulhosa de ti, de toda a tua trajetória dentro da casa. Tu só me deu orgulho, filho”. Matteus agradeceu à mãe pelo apoio. “Estou só esperando para te dar um abraço e não largar mais”, completou ela.

“Vim pro Rio de Janeiro com muitos anseios. Sempre me cobrei muito de querer dar uma vida melhor para a minha família [...]. Carregar isso para o BBB, eu sabia que era importante, mas não sabia que era tão importante. Não é soberba, mas é pelo orgulho de poder representar meu povo”, explicou ele sobre seu objetivo no Big Brother.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.