PUBLICIDADE

Rajon Rondo, bicampeão da NBA, é preso por porte ilegal de arma de fogo e drogas

Ex-jogador de 37 anos foi levado para a prisão de Jackson, em Indiana, mas foi liberado após o pagamento de fiança

Foto do author Redação
Por Redação
Atualização:

O ex-jogador de basquete Rajon Rondo, de 37 anos, foi preso no domingo, 28, em Indiana, nos Estados Unidos, por porte ilegal de arma de fogo e drogas. Considerado um dos maiores armadores de sua geração, ele foi campeão da NBA por duas vezes, com o Boston Celtics, em 2008, e o Los Angeles Lakers, em 2020. As informações são do canal de televisão americano WDRB.

PUBLICIDADE

Segundo a Polícia Estadual de Indiana, Rondo foi parado por policiais no condado de Jackson por causa de uma infração de trânsito. Ao sentirem um cheiro de maconha, as autoridades revistaram o veículo e encontraram uma quantidade para “uso pessoal” e apetrechos para o consumo de drogas.

O sargento Stephen Wheeles, porta-voz da unidade, explicou que o ex-jogador também poderia portar uma arma de fogo porque havia uma ordem de proibição de contato emitida contra ele. Em 2022, uma moradora de Louisville pediu uma ordem de proteção de emergência contra o atleta após ele ameaçá-la com um revólver. Ainda no domingo, Rondo foi levado para a prisão de Jackson, onde pagou a fiança e foi liberado.

Rajon Rondo, bicampeão da NBA, foi preso por porte ilegal de armas e drogas.  Foto: athan Ray Seebeck / USA TODAY Sports

Rondo foi um armador de destaque na Universidade do Kentucky antes de ser escolhido pelo Phoenix Suns no draft de 2006 da NBA, a 21ª da primeira rodada. Ele acabou se transferindo para o Boston Celtics, franquia pela qual viveu o melhor momento da sua carreira, atuando na equipe por oito temporadas e conquistando seu primeiro título na liga. Ele chegaria ao Lakers somente em 2018, já veterano, quando teve novo destaque e alcançou a sua segunda conquista na NBA.

Além de Celtics e Lakers, Rondo também acumula passagens por outras importantes franquias, como Dallas Mavericks, Chicago Bulls, Sacramento Kings, New Orleans Pelicans. Ele se aposentou em 2022, após uma temporada no Cleveland Cavaliers. Rondo possui, ainda, quatro participações no All-star Game e foi sido o líder de assistências da NBA nas temporadas 2012, 2013 e 2016.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.