PUBLICIDADE

Publicidade

Chuva e alagamento forçam Palmeiras a treinar em campo sintético

Equipe tem de trocar atividade no CT do Náutico, no Recife, por trabalho em outro local na preparação para enfrentar o Sport

PUBLICIDADE

Foto do author Redação
Por Redação
Atualização:

A chuva em Pernambuco atrapalhou a programação do Palmeiras nesta sexta-feira. A equipe está no Recife para enfrentar o Sport, domingo, pelo Campeonato Brasileiro, e faria um treinamento na parte da tarde no CT do Náutico. Como o gramado estava alagado e sem condições de uso, a delegação precisou mudar o local e trabalhou em um campo de gramado sintético próximo ao hotel.

O elenco está hospedado em Cabo de Santo Agostinho, na região metropolitana do Recife, cidade que não está afetada pelas chuvas. A atividade desta sexta foi a primeira da equipe desde a chegada ao local, na quinta-feira. O time fez apenas treinos no hotel depois do desembarque e ainda antes de enfrentar o Sport, no domingo, terá mais um treino, no sábado.

Tempo ruim em Pernambuco altera programação de treinos Foto: Cesar Greco/Ag. Palmeiras

PUBLICIDADE

O técnico Cuca comandou o trabalho em Pernambuco sem a presença dos jornalistas. A atividade teve as presenças do zagueiro Edu Dracena e do atacante Deyverson. A dupla foi chamada pelo treinador para reforçar o elenco e deve jogar no domingo. O Palmeiras não terá contra o Sport os suspensos Michel Bastos, Tchê Tchê, Dudu e Borja, além de Willian, machucado.

Após a partida no domingo o Palmeiras não voltará para São Paulo. A comissão técnica preferiu levar o elenco diretamente para Belo Horizonte, local do compromisso de quarta-feira contra o Cruzeiro, no Mineirão, pela Copa do Brasil. No jogo de ida pelas quartas de final os times empataram em 3 a 3 no Allianz Parque.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.