PUBLICIDADE

Convocação da seleção feminina: Pia chama Marta e Debinha para a Copa do Mundo; confira lista

Brasil estreia no Mundial contra o Panamá, no próximo dia 24 de julho; técnica tenta primeiro título da equipe

Foto do author Redação
Por Redação
Atualização:

Com as voltas da artilheira Debinha e da estrela Marta, Pia Sundhage anunciou nesta terça-feira, dia 27, as jogadoras que defenderão o seleção brasileira na busca do inédito título da Copa do Mundo da Austrália e Nova Zelândia, entre os dias 20 de julho e 20 de agosto. A treinadora chamou 26 atletas, mas três são apenas suplentes caso alguém se machuque.

PUBLICIDADE

Fora na Finalíssima contra a Inglaterra por problemas clínicos, Debinha volta para ser a centroavante titular de Pia Sundhage e a esperança de gols na Copa do Mundo - tem 57 gols na seleção, atrás apenas de Cristiane, com 83, e Marta, com 119. Já a experiente Marta, de 37 anos, que também foi cortada por dores na coxa contras as inglesas, deve compor o grupo apesar dos 17 gols em 19 jogos em Copas. A camisa 10 é quem mais anotou com a camisa verde e amarela na história e servirá para orientar o grupo recheado de jovens.

A treinadora, porém, perdeu algumas peças importantes por lesão. A goleira Lorena, do Grêmio, e a atacante Ludmila, do Atlético de Madrid, sofreram lesões graves e serão desfalques. Angelina, há 11 meses recuperando-se de ruptura do ligamento cruzado anterior e do menisco lateral, tinha esperança de disputar sua primeira Copa, mas ficou apenas na lista extra, ao lado de Tainara e Aline Gomes.

As jogadoras se apresentam em Brasília neste sábado. Antes de embarcar para a estreia na Copa do Mundo, o Brasil ainda fará mais um amistoso em solo nacional. Domingo, às 10h30, a seleção recebe o Chile no Estádio Mané Garrincha, em Brasília. No dia 3, às 5 da manhã, ocorre o embarque para Brisbane, na Austrália, onde será a base da seleção, com preparação até dia 18 buscando aclimatação e adaptação ao fuso horário. A comissão terá psicóloga, dois médicos, fisioterapeuta, massagista e ginecologista para deixar as jogadoras com total respaldo para se preocuparem apenas em jogar futebol.

A técnica Pia Sundhage durante convocação das jogadoras de seleção brasileira de futebol feminino.  Foto: Pedro Kirilos/Estadão

A primeira partida na Copa pelo Grupo F está agendada para o dia 24 de julho, diante do Panamá. Depois, as brasileiras ainda enfrentam França (dia 29/7) e Jamaica (2/8). Apesar da dura chave, a expectativa é grande após bons resultados nas últimas apresentações.

As comandadas de Pia Sundhage perderam da Inglaterra na Finalíssima somente nos pênaltis após 1 a 1 no jogo e fizeram 2 a 1 na também potente Alemanha. No torneio SheBelieves, o resultado positivo veio diante do Japão, com 1 a 0. Depois, a equipe amargou tropeços contra o Canadá, por 2 a 0, e diante dos Estados Unidos, com 2 a 1.

O sonho é igualar ou melhorar as campanhas de 2007, quando perdeu na final para a Alemanha, e de 1999, ano em que subiu ao pódio com o terceiro lugar. Nem mesmo o nível alto das oponentes tira a confiança das campeãs sul-americanas em fazer bonito na Oceania. O trabalho de reconstrução da seleção durou todo o ciclo e foi realizado para esta Copa do Mundo. Pia Sundhage já avisou que seu time chega forte.

Publicidade

Acompanhe a entrevista coletiva de Pia ao vivo

Confira a lista completa

  • Goleiras: Letícia Izidoro (Corinthians), Bárbara (Flamengo) e Camila Rodrigues (Santos)
  • Laterais: Antônia (Levante), Bruninha (Gotham FC) e Tamires (Corinthians);
  • Zagueiras: Kathellen (Real Madrid), Lauren (Madrid CFF), Mônica Hickman (Madrid CFF) e Rafaelle (Arsenal);
  • Meio-campistas: Adriana (Orlando Pride), Ary Borges (Racing Louisville), Duda Sampaio (Corinthians), Andressa Alves (Roma), Luana (Corinthians), Ana Vitória (Benfica);
  • Atacantes: Bia Zaneratto (Palmeiras), Debinha (Kansas City Current), Geyse (Barcelona), Kerolin (North Carolina Courage), Nicole (Benfica), Gabi Nunes (Madri CFF) e Marta (Orlando Pride).
Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.