PUBLICIDADE

Publicidade

De Rossi promete superar imagem negativa no Mundial

PUBLICIDADE

Por AE
Atualização:

Apesar da boa atuação na final da Copa da Alemanha, o meia Daniele De Rossi deixou o Mundial de 2006 com uma imagem negativa perante o público. O jogador italiano ficou marcado pela cotovelada que tirou sangue do atacante americano Brian McBride ainda na primeira fase. O lance custou uma suspensão de quatro jogos ao atleta, que era o mais jovem da seleção campeã do mundo, com 22 anos. Desta vez, mais experiente, De Rossi quer apresentar um bom desempenho na África do Sul para superar a imagem negativa deixada na última competição."Eu quero muito fazer uma grande Copa do Mundo, porque todos sabemos como foi a última para mim. Gosto sempre de deixar uma marca positiva e o que eu fiz foi muito negativo", afirmou o jogador, mostrando arrependimento. "As coisas mudam. Aquela Copa mudou tudo para nós", ao destacar o crescimento da antes desacreditada seleção da Itália durante o Mundial.Cotado para ser um dos próximos reforços do Real Madrid, De Rossi evitou comentar sua possível transferência da Roma e disse estar focado no Mundial. "Acho que deveriam perguntar sobre isso ao Real Madrid ou à Roma. Não sei nada sobre o assunto. Tudo que estou pensando agora é nos treinos para a Copa".

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.