PUBLICIDADE

Copa do Mundo de 2026 terá abertura no México e final em Nova Jersey; veja estádios

Fifa anuncia calendário do torneio, com abertura no estádio Azteca, onde Brasil foi campeão em 1970

Por Leonardo Catto
Atualização:

A Fifa anunciou, neste domingo, o calendário da Copa do Mundo de 2026, que vai acontecer nos Estados Unidos, México e Canadá. Será a primeira vez com sede tripla na história dos Mundiais. O torneio vai acontecer entre 11 de junho e 19 de julho. A Fifa considera que serão três jogos inaugurais, porém, dois deles ocorrem depois do jogo de abertura.

PUBLICIDADE

O estádio Azteca, na Cidade do México, vai sediar a abertura dia 11 de junho de 2026. O local tem capacidade para 83.264 espectadores. É considerado a casa da seleção mexicana, além de sediar jogos da América. Foram lá as finais das Copas de 1970 e 1986, vencidas por Brasil e Argentina, respectivamente. A Cidade do México terá, ao todo, três jogos. Monterrey também conta com três partidas, enquanto Guadalajara terá quatro.

Já a final será em Nova Jersey no MetLife Stadium, em 19 de julho de 2026, nos Estados Unidos. O local tem capacidade para 82.500 pessoas. É a casa do New York Jets e do New York Giants, da NFL. O Hard Rock Stadium, em Miami, será local da disputa de terceiro lugar. O espaço comporta 65.326 torcedores. O Miami Dolphis, da NFL, manda seus jogos lá.

Outras aberturas

No Canadá, o estádio BMO Field, em Toronto, vai sediar o primeiro jogo no país, um dia depois do começo da Copa. A capacidade é pequena, comparado com o Azteca. Há espaço para 30.991 torcedores. O local foi uma força da seleção canadense que se classificou para a Copa de 2022. Ao todo, serão dez partidas no Canadá, cinco em Toronto e cinco em Vancouver, no BC Place Stadium.

Os Estados Unidos são o país com mais cidades-sede entre os três. A abertura no país será no SoFI Stadium, em Los Angeles, também em 12 de junho. O local tem capacidade para 70.240 torcedores e é a casa dos Los Angeles Rams e Los Angeles Chargers, ambos da NFL. O estádio vai sediar cinco jogos da Copa do Mundo. San Francisco, Houston, Dallas, Atlanta, Boston, Philadelphia, e Nova York/Nova Jersey também vão sediar cinco partidas cada. Seattle, Kansas City e Miami terão quatro cada.

Assim como em 1994, quando a Copa aconteceu nos Estados Unidos, o torneio será no verão do hemisfério norte. Na época, o forte calor castigou os jogadores. Entretanto, agora, os estádios dispõem de tecnologia e vai garantir a climatização em caso de forte calor.

Grupos geográficos

Para evitar grandes deslocamentos das seleções, as sedes são divididas em três faixas (Oeste, Central e Leste). Determinados grupos irão jogar apenas em uma das faixas. Depois, no mata-mata, isso pode mudar. Na Zona Leste, estão Toronto, Boston, Philadelphia, Miami e Nova Jersey/Nova York. Na Zona Central, Kansas City, Dallas, Atlanta, Houston e Monterrey. Já na Zona Oeste, ficam Vancouver, Seattle, Los Angeles, São Francisco e Guadalajara.

Publicidade

Estádio de final

O estádio Azteca já sediou duas finais de Copa do Mundo, nas duas vezes que o México foi país-sede. Em 1970, o lendário time do Brasil conquistou o tricampeonato ao bater a Itália por 4 a 1, com Pelé em campo. Já em 1986, os argentinos, guiados por Maradona, aplicaram 3 a 2 na Alemanha e foram bicampeões.

Veja a lista de estádios e cidades-sede da Copa do Mundo de 2026

EUA

  • Seattle – Lumen Field
  • San Francisco – Levi’s Stadium
  • Los Angeles – SoFI Stadium
  • Kansas City – Arrowhead Stadium
  • Dallas – AT&T Stadium
  • Houston – NGR Stadium
  • Atlanta – Mercedes-Benz Stadium
  • Boston – Gillette Stadium
  • Philadelphia – Lincoln Financial Fiel
  • Nova York/Nova Jersey – MetLife Stadium
  • Miami – Hard Rock Stadium

México

PUBLICIDADE

  • Monterrey – BBVA Bancomer Stadium
  • Cidade do México – Azteca
  • Guadalajara – Akron Estádio Central

Canadá

  • Toronto – BMO Field
  • Vancouver – BC Place Stadium

Publicidade

Distribuição das vagas por confederação

  • Ásia (AFC) - 8 vagas diretas e 1 para repescagem
  • África (CAF) - 9 vagas diretas e 1 para repescagem
  • América do Norte, Central e Caribe (Concacaf) - 6 vagas diretas e 2 para repescagem
  • América do Sul (Conmebol) - 6 vagas diretas e 1 para repescagem
  • Oceania (OFC) - 1 vaga e 1 para repescagem
  • Europa (Uefa) - 16 vagas diretas