PUBLICIDADE

F-1: Lewis Hamilton ‘meteu atestado médico’ para faltar em dia de teste da Mercedes

Heptacampeão mundial confessa que já fingiu estar doente para não comparecer a obrigação na escuderia britânica

Por Daniel Brito
Atualização:

Lewis Hamilton, heptacampeão mundial de Fórmula 1, é conhecido por sua trajetória vitoriosa na categoria. O veterano piloto da Mercedes, porém, revelou que não gosta nem um pouco de participar de testes oficiais na modalidade. Para fugir da “missão inglória”, o britânico já chegou até mesmo a fingir que estava doente.

PUBLICIDADE

A história inusitada foi contada por ele mesmo durante uma reunião em Brackley, sede da Mercedes. Na ocasião, ele esteve acompanhado de Toto Wolff, chefão da escuderia, e de Mick Schumacher, piloto reserva. George Russell, companheiro de Hamilton, porém, passou mal e não compareceu ao evento.

Após Toto Wolff relatar o motivo da ausência do seu subordinado, Hamilton aproveitou o momento para confessar que não é muito fã dos testes e falar do “atestado” que ele mesmo se deu. “Fiz isso para perder os dias de teste porque geralmente não gosto deles”, contou.

Lewis Hamilton afirma que fingiu problema de saúde para não participar de testes Foto: Felipe Rau / Estadão

O piloto ainda aproveitou para fazer graça com a situação. “Quando soube que ele (Russell) estava doente, pensei ‘ah, ele me superou, passou para outro nível’”, brincou. Hamilton, no entanto, não ofereceu mais detalhes, nem mesmo quando o episódio aconteceu.

Campeão sete vezes de Fórmula 1, Lewis Hamilton já precisou ficar de fora das pistas por motivos de saúde. Prestes a entrar na sua 16ª temporada consecutiva na categoria, o britânico passou mal de verdade em 2015, quando teve febre durante a realização de testes de pré-temporada em Barcelona, na Espanha. Ele foi substituído por Pascal Wehrlein, então piloto reserva.

Em 2016, o heptacampeão mundial sentiu dores no pé antes de executar testes de pneus da Pirelli, que seriam usados na temporada seguinte. Quatro anos depois, já durante a pandemia de Covid-19, Hamilton testou positivo para a doença e não participou do GP de Sakhir.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.