PUBLICIDADE

OpenAI fecha parceria com Vox Media e The Atlantic para usar seus conteúdos em treinamentos de IA

Empresa de IA vem assinando parcerias com plataformas de mídia para evitar ações judiciais e expandir uso de dados

PUBLICIDADE

Foto do author Alice Labate
Por Alice Labate
Atualização:

A OpenAI anunciou nesta quarta-feira, 29, que assinou recentemente acordos de licenciamento com Vox Media, dona de veículos como The Verge e New York Magazine, e a The Atlantic. A colaboração vai permitir que o conteúdo dessas empresas seja utilizado para treinar os modelos de inteligência artificial (IA) da OpenAI e seja compartilhado dentro da plataforma ChatGPT.

O anúncio dos novos acordos foi feito em uma publicação no blog do site da OpenAI, destacando que a empresa busca licenciar dados de treinamento enquanto tenta evitar ações judiciais de direitos autorais. Os termos financeiros dos acordos com Vox Media e The Atlantic não foram divulgados, mas seguem a tendência de variação de preços com base no número de publicações envolvidas.

OpenAI fechou parceria com portais de mídia para melhorar seu nome no cenário de processos por direito autoral Foto: Michael Dwyer/AP

PUBLICIDADE

Os conteúdos das publicações da Vox Media, que inclui The Verge, Vox, New York Magazine, Eater e SBNation, serão compartilhados com a OpenAI a partir da próxima semana. Além disso, de acordo com a publicação da OpenAI, a Vox Media planeja utilizar a tecnologia da empresa de IA para aprimorar sua ferramenta que recomenda presentes aos usuários com base em suas preferências, The Strategist Gift Scout, e expandir sua plataforma de dados de anúncios, Forte.

O The Atlantic, por sua vez, está desenvolvendo um microsite, chamado Atlantic Labs, e, com essa parceria, suas equipes vão poder usar ferramentas de IA da OpenAI para aprimorar seu jornalismo e atendimento aos leitores. Ambos os acordos incluem a exibição de links de atribuição quando o conteúdo dos editores for citado dentro do ChatGPT.

A OpenAI tem buscado essas parcerias como uma forma de proteger-se contra ações judiciais de direitos autorais. Nos últimos meses, a empresa tem firmado parcerias significativas, incluindo com gigantes da mídia como News Corp, Axel Springer, DotDash Meredith, Financial Times e Associated Press.

Criadores de conteúdo de várias áreas, incluindo jornais e comediantes, têm argumentado que o uso de suas obras para treinamento de IA sem autorização constitui uma violação de direitos autorais. Em resposta, a OpenAI vem fortalecendo seus acordos de licenciamento para mitigar riscos legais.

Atualmente, a OpenAI e a Microsoft enfrentam um processo de violação de direitos autorais movido pelo New York Times, que já gastou US$ 1 milhão na ação. Outros jornais, como New York Daily News, Chicago Tribune e The Intercept, também entraram com processos semelhantes, aumentando a pressão sobre a OpenAI para garantir parcerias importante e legalmente seguras.

Publicidade

*Alice Labate é estagiária sob supervisão do editor Bruno Romani

Tudo Sobre
Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.