Nintendo anuncia Mario Kart para celular e filme de animação com Mario

Novidades da empresa foram divulgadas na noite desta quarta-feira, 31; serviço de jogos online do Nintendo Switch chegará em setembro de 2018, diz companhia

PUBLICIDADE

Por Bruno Capelas
Atualização:
Game para celulares Mario Kart Tourdeveria ser lançado até março de 2019, mas foi adiado Foto: Nintendo of America

Os próximos meses serão bastante movimentados para a Nintendo. Na noite desta quarta-feira, 31, a empresa anunciou três novidades que devem animar os fãs da empresa. 

A primeira é que Mario, o encanador bigodudo que é o maior símbolo da empresa, vai voltar para as telas de cinema: em sua conta no Twitter, a filial norte-americana da companhia divulgou que o criador do personagem, Shigeru Miyamoto, está trabalhando no desenvolvimento de um longa-metragem de animação em parceria com o produtor Chris Meledandri, responsável por títulos como Meu Malvado Favorito e Minions. Vale lembrar que Mario já virou filme em 1993 -- porém, o encanador bigodudo foi parte de um longa-metragem com "atores de verdade". 

PUBLICIDADE

Além disso, a empresa anunciou que o último jogo de sua parceria com a produtora de games para dispositivos móveis DeNA será inspirado na franquia de corrida Mario Kart. Ainda sem data de lançamento definida, mas com previsão de ser lançado até março de 2019, Mario Kart Tour será um jogo de corrida e deve seguir os passos de Super Mario Run e Animal Crossing: Pocket Camp, games da empresa disponíveis para os sistemas operacionais Android e iOS. 

Para encerrar a conta, a empresa disse ainda que vai lançar o serviço de partidas online do Nintendo Switch, seu atual videogame, em setembro deste ano. A função é bastante esperada pelos donos do console, que esperam poder jogar seus games favoritos, como Mario Kart 8 Deluxe, ARMS e Splatoon, também na internet. Além disso, o serviço também deve deixar os donos do Switch terem acesso a games antigos da empresa. 

Nesta quarta-feira, 31, ao divulgar seus resultados financeiros para o trimestre de outubro a dezembro de 2017, a Nintendo mostrou o sucesso do Switch: em 10 meses após o lançamento do console, o videogame já superou em vendas seu antecessor, o Wii U -- são 14,9 milhões de unidades do Switch contra 13,6 milhões vendidas pelo Wii U a partir de novembro de 2012. O Wii U foi descontinuado pela Nintendo no ano passado.

As boas vendas fizeram a Nintendo ter lucro de US$ 1,05 bilhão no período -- a previsão é de que a empresa tenha seu melhor resultado anual (o ano fiscal da japonesa vai de abril de 2017 a março de 2018) desde 2009. 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.