Alonso vence GP do Bahrein e deixa Massa em segundo

Pole Sebastian Vettel enfrenta problemas técnicos e acaba em 3º, atrás de Lewis Hamilton.

BBC Brasil, BBC

14 Março 2010 | 12h55

O piloto espanhol Fernando Alonso venceu neste domingo o primeiro GP de Fórmula 1 da temporada de 2010, em Bahrein, deixando o seu companheiro de equipe na Ferrari, o brasileiro Felipe Massa, na segunda colocação.

O britânico Lewis Hamilton, da McLaren, ficou com o terceiro lugar no pódio depois de ultrapassar o pole position da corrida, Sebastian Vettel, da Red Bull, que enfrentou problemas no seu carro.

O alemão acabou em quarto, na frente da dupla da Mercedes, Nico Rosberg e Michael Schumacher.

Em sua volta à F1, depois de três anos de "aposentadoria", o heptacampeão mundial correu melhor do que nas provas classificatórias, embora não tenha conseguido manter o ritmo do companheiro Rosberg nas voltas iniciais e ainda esteja longe da sua melhor forma.

Schumacher acabou passando o resto da corrida segurando a passagem do inglês Jenson Button, da McLaren.

O atual campeão acabou em 7º, na frente do outro piloto da Red Bull, Mark Webber. Rubinho Barrichello, da Williams, chegou em 10º, atrás de Vitantonio Liuzzi, da Force India.

Vettel

De acordo com o atual sistema de pontuação, Rubinho foi o último a marcar pontos no Grand Prix de Bahrein.

Se a corrida deste domingo pode ser usada como prévia da temporada, Button deve enfrentar dificuldades para manter o título, com a sua McLaren mostrando ser mais lenta que as Ferraris e as Red Bulls.

Já Vettel, que largou na pole position depois de uma temporada de preparação impressionante, acabou sendo vítima de problemas técnicos da equipe.

"É uma pena, mas fazer o quê?", disse o alemão. "No geral, foi positivo. Estamos entre os mais rápidos, tivemos um bom controle da corrida e ótima estratégia."

O piloto ainda comemorou o fato de ter conseguido terminar em quarto.

"Os pontos ainda são importantes."

Alonso ultrapassou Massa, que tinha largado em segundo lugar, logo no início da corrida, mas acabou não conseguindo manter o ritmo da Red Bull, perdendo a primeira posição para Vettel.

Depois da corrida, Massa comentou não ter largado bem, mas elogiou o carro.

"A corrida foi perfeita para mim, o carro foi perfeito. Consegui alcançar o Fernando facilmente depois das paradas."

Depois disso, o brasileiro disse ter enfrentado problemas de temperatura e ficou preocupado com o consumo de combustível - já que de acordo com as novas regras os pilotos não podem reabastecer.

"Tive sorte que Vettel teve problemas", completou.

Lewis Hamilton e sua McLaren, que não tiveram uma pré-temporada empolgante deram mostras neste GP de Bahrein de que podem ser mais competitivos. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.