Bombardeio contra cidade síria mata 25, dizem ativistas

Pelo menos 25 pessoas foram mortas neste domingo quando forças do governo sírio atacaram a cidade de Helfaya, na província de Hama. O ataque, promovido com bombardeios lançados por aviões e artilharia, foi o primeiro na região desde fevereiro, disseram ativistas da oposição.

Reuters

16 Dezembro 2012 | 15h33

Um vídeo publicado no Youtube mostrou pelo menos três corpos em uma rua e vários outros dentro de carros, alguns estavam desfigurados. Pedaços de corpos podiam ser vistos perto de paredes e em uma casa próxima.

Um ativista que pediu para não ser identificado afirmou que a cidade, um centro de oposição contra o governo, se tornou alvo depois que combatentes insurgentes atacaram vários postos de verificação instalados no seu exterior.

Mais conteúdo sobre:
SIRIA BOMBARDEIO HELFAYA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.