Publicidade

Publicidade

Bebida

Vinho na Black Friday: especialista dá dicas para aproveitar as promoções

Suzana Barelli explica como evitar produtos falsos e aplicar o custo-benefício

Mão de um homem segurando uma garrafa de vinho tinto, o líquido é despejado em uma taça. Foto: Jeferson SoldiFoto: Jeferson Soldi

Na maioria das vezes, promoções são boas oportunidades para comprar vinhos. Mas para ser realmente feliz com a compra, é importante tomar certos cuidados, principalmente em épocas de grandes ofertas, como a Black Friday.

‘’Em princípio, o vinho em promoção é um produto que o lojista não conseguiu girar e precisa desovar o estoque’', explica Suzana Barelli, colunista de Paladar e especialista em vinhos.

Para ela, não faltam razões para comprar vinho na Black Friday, principalmente com os altos descontos. Mas é inegável que, junto com as boas oportunidades, os consumidores correm o risco de serem lesados por ‘’falsas promoções’' e produtos enganosos.

Suzana explica que é preciso estar bem atento para evitar as roubadas contidas nas ofertas de baixos preços. Entre os principais pontos está o estoque dos vinhos. ‘’Existem casos em que o lojista quer se livrar de algum rótulo porque perdeu sua representação no Brasil (em muitos casos, as importadoras têm exclusividade para trazer vinhos para cá, e quando um produtor muda de importadora, a empresa anterior faz uma promoção daquele vinho)”, conta Suzana.

PUBLICIDADE

Assim, a primeira dica da especialista é evitar comprar safras mais antigas, principalmente de vinhos brancos. ‘’Eu compraria brancos, no máximo, da safra 2020 ou mais recente. Já o vinho tinto, de 2018 em diante”, comenta a especialista.

Taça de vinho. Foto: Tiago Queiroz

“Isso porque a gente não sabe como foi a conservação das garrafas nesse período. Quando a promoção é boa e por tempo maior, dá para comprar uma garrafa, testar e, se o vinho estiver bom, comprar outras. Mas em uma promoção de um dia, como a Black Friday, não dá para fazer isso, então não vale a pena arriscar.”

O segundo ponto ao qual o consumidor deve se atentar é a análise das garrafas. Rótulo rasgado não significa necessariamente vinho estragado, mas indica pouco cuidado com a garrafa. “Vinho mal armazenado estraga. No visual, olhe principalmente para a rolha. Se ela estiver mais para baixo ou estufada, são sinais de que o vinho pode não estar bom.”

PUBLICIDADE

O mesmo serve para a quantidade de vinho na garrafa. Líquido abaixo do “ombro” do recipiente, é um sinal de problema. Suzana alerta que essa interpretação cabe principalmente aos vinhos mais jovens.

A terceira dica é sobre garrafas contrabandeadas. Nos últimos anos, a especialista conta que o número de produtos ilegais desse gênero aumentou muito no Brasil.

“A melhor maneira de garantir a veracidade da garrafa é olhar se o vinho tem contrarrótulo em português, o que indica que ele foi importado pelas vias oficiais”.

E, por fim, pesquisar preços é sempre uma atividade bem-vinda. Faça uma pesquisa prévia de preços. Infelizmente, há casos de lojas que reajustam o valor semanas antes. Então adiante a pesquisa, reúna essas dicas e aproveite para encher sua adega.

Dicas da Black Friday

PUBLICIDADE

Pensou que iríamos dar apenas dicas de vinhos? Para aproveitar ainda mais a Black Friday, conversamos com especialistas em café, espumantes, queijos, azeite e cerveja para você não cair mais em roubada.

Veja como escolher os melhores produtos e evitar as falsificações nesses tempos de promoção. Clique nos temas e acesse as reportagens.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE