PUBLICIDADE

Foto do(a) blog

Notícias e artigos do mundo do Direito: a rotina da Polícia, Ministério Público e Tribunais

PF busca três e vasculha 25 endereços de Santa Catarina e Minas na mira de golpistas do 8 de janeiro

22ª etapa da Operação Lesa Pátria, que visa identificar financiadores e incitadores de ofensiva antidemocrática, ainda tem ordem de bloqueio de até R$ 40 milhões de investigados

Foto do author Redação
Por Redação
Atualização:
Grupos de radicais invadirem as sedes dos três Poderes. Foto: WILTON JUNIOR / ESTADÃO

A Polícia Federal abriu nesta quinta-feira, 22, mais uma etapa da Operação Lesa Pátria, que visa identificar financiadores e incitadores dos atos golpistas de 8 de janeiro.

PUBLICIDADE

Agentes saíram às ruas para cumprir três ordens de prisão preventiva e vasculhar 25 endereços em Santa Catarina e Minas Gerais. Trata-se da 22ª etapa da Operação Lesa Pátria.

O ministro Alexandre de Moraes, responsável no Supremo pela condução da Lesa Pátria, ainda determinou o bloqueio de bens e valores dos investigados até o valor de R$ 40 milhões.

A ofensiva apura supostos crimes de abolição violenta do Estado Democrático de Direito, golpe de Estado, dano qualificado, associação criminosa, incitação ao crime, destruição e deterioração ou inutilização de bem especialmente protegido.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.