PUBLICIDADE

Foto do(a) blog

Notícias e artigos do mundo do Direito: a rotina da Polícia, Ministério Público e Tribunais

PF destrói 302 balsas do garimpo ilegal no rio Madeira; assista

Operação Draga Zero, concluída neste sábado, 2, em parceria com o Ibama, percorreu 1.500 quilômetros e atravessou cinco municípios da Amazônia onde ação clandestina de grupos causou danos ao meio ambiente e à saúde pública

Foto do author Pepita Ortega
Por Pepita Ortega
Atualização:
PF destrói 302 balsas do garimpo ilegal no rio Madeira Foto: Polícia Federal

A Polícia Federal inutilizou 302 balsas de garimpo que estavam atuando de forma ilegal no Rio Madeira no bojo da Operação Draga Zero, encerrada neste sábado, 2.

PUBLICIDADE

Agentes da corporação e do Ibama percorreram 1500 km no Rio Madeira para combater danos ao meio ambiente e à saúde pública ligados a garimpos ilegais. A ofensiva passou pelos municípios amazonenses de Autazes, Nova Olinda do Norte, Borba, Novo Aripuanã e Manicoré.

Segundo a PF, o garimpo ilegal praticado na região resulta na contaminação do rio por mercúrio e cianeto e também interfere na cultura de povos tradicionais, uma vez que áreas indígenas chegaram a ser invadidas pelos criminosos, na região de Manicoré.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.