PUBLICIDADE

EXCLUSIVO PARA ASSINANTES
Foto do(a) coluna

Coluna do Estadão

| Por Roseann Kennedy

Roseann Kennedy traz os bastidores da política e da economia, com Eduardo Gayer e Augusto Tenório

Alckmin recebe carta de ex-governador após obter vitória econômica internacional; entenda

Paulo Hartung parabeniza vice-presidente pelo corte do México no chamado direito antidumping aplicado às importações de papel cortado do Brasil; medida pode impulsionar setor no País

Foto do author Roseann Kennedy
Foto do author Eduardo Gayer
Por Roseann Kennedy e Eduardo Gayer
Atualização:

O vice-presidente Geraldo Alckmin, que também é ministro do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços, recebeu uma carta em tom festivo de Paulo Hartung, ex-governador do Espírito Santo. Atualmente presidente executivo da Indústria Brasileira de Árvores (Ibá), Hartung parabenizou Alckmin por ter vencido uma ação apresentada junto à Unidade de Práticas Comerciais Internacionais (UPCI) que pode impulsionar a exportação de papel cortado do Brasil para o México.

Após resolução da UPCI, o México cortou no último dia 1º, de 38% para 6,74%, o chamado direito antidumping aplicado às importações de papel cortado do Brasil. O direito antidumping permite uma taxa adicional sobre as importações para evitar concorrência desleal.

O vice-presidente Geraldo Alckmin.  Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil

PUBLICIDADE

Na carta, Hartung parabeniza “o esforço e o resultado positivo” da negociação conduzida pela Secretaria de Comércio Exterior do ministério de Alckmin junto à UPCI. O setor de papel estava inviabilizado nas exportações para o México por conta do direito antidumping.

No ano passado, essas exportações somaram menos de uma tonelada, cerca de US$ 98 mil. Essa movimentação já bateu no passado 22 mil toneladas em volume e US$ 21 milhões em valores.

Hartung foi governador do Espírito Santo entre 2003 e 2010 e, posteriormente, entre 2015 e 2018. Em dois de seus três mandatos, Alckmin era governador de São Paulo.

Publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.