EXCLUSIVO PARA ASSINANTES
Foto do(a) coluna

Coluna do Estadão

| Por Roseann Kennedy

Roseann Kennedy traz os bastidores da política e da economia, com Eduardo Gayer e Augusto Tenório

Correios descartam greve e esperam alta de 8% nos envios da Black Friday

Presidente da estatal, Fabiano Silva, apresentará proposta ‘positiva’ aos funcionário para manter operação especial no dia de promoções do comércio

PUBLICIDADE

Foto do author Eduardo Gayer
Por Eduardo Gayer

Em uma notícia animadora para o setor do comércio, os Correios afirmam que conseguiram conter a ameaça de greve de funcionários a partir desta quinta-feira, 23, véspera da Black Friday. E, otimistas, projetam alta de 8,18% nos envios do dia de promoções, em comparação com o ano passado.

 Foto: estadao conteudo

PUBLICIDADE

O presidente dos Correios, Fabiano Silva, apresentará uma proposta “positiva” aos funcionários e descarta a possibilidade de greve. “A atual Diretoria dos Correios está comprometida com a empresa, com a qualidade da prestação de serviços à sociedade e com o resultado do trabalho conjunto de todas as empregadas e todos os empregados”, afirmou à Coluna.

De acordo com Fabiano Silva, os Correios preparam uma operação especial para a Black Friday, como o desconto de 30% nos envios.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.