PUBLICIDADE

Helder Barbalho dá dicas culturais: Oscar de melhor filme e ‘vou tomar um tacacá'

Governador do Pará sugere ainda livro sobre a história da interferência das Forças Armadas na política do País

Foto do author Redação
Por Redação

O governador do Pará Helder Barbalho é o personagem da semana na série “Para Ver, Ouvir e Pensar” do Estadão. O político do MDB oferece sugestões de leitura, música e filme que passam por informações relevantes sobre as Forças Armadas e vão até a pura diversão com música de pop star paraense.

A seguir as indicações de Helder Barbalho:

O governador do Pará Helder Barbalho dá dicas culturais em série do Estadão  Foto: Marcos Corrêa/PR

Um livro

PUBLICIDADE

Em tempos de governo federal cheio de dedos em relação aos militares, o governador do Pará parece ter escolhido bem a dica de leitura desta semana. Ele sugere o livro “Forças Armadas e política no Brasil”, do historiador José Murilo de Carvalho.

A publicação é de 2005 e reúne uma coletânea de textos sobre a história dos militares brasileiros e as intervenções e golpes na política. O livro dá o tom sobre a politização das Forças Armadas desde o Brasil nos tempos do Império.


Livro indicado pelo governador do Pará Helder Barbalho Foto: Reprodução / Estadão


Um filme

A produção cinematográfica que o governador paraense indica conquistou o Oscar de melhor filme, melhor diretor e melhor ator. Oppenheimer, para quem ainda não assistiu, conta a história do cientista responsável pelo desenvolvimento da primeira bomba atômica, num processo de corrida armamentista ainda durante a Segunda Guerra Mundial.



Uma música

O governador Helder Barbalho foi paraense na escolha da canção para indicar aos leitores do Estadão. Sua dica vem do próprio estado e é da pop star regional e que também é conhecida no restante do País. Joelma, ex-banda Calypso, já foi considerada cantora mais popular do Brasil no início dos anos 2000 quando as canções da banda formada com o ex-marido Ximbinha não paravam de tocar. O casamento se desfez, mas Joelma seguiu carreira solo.


Ficha técnica:

Publicidade

Música: Voando pro Pará, de Joelma

Filme: Oppenheimer, 2023

Livro: Forças Armadas e a política no Brasil, de José Murilo de Carvalho

Tudo Sobre
Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.