PUBLICIDADE

Neri Geller assume Política Agrícola do Ministério da Agricultura após reverter cassação no TSE

Ex-deputado reverteu no TSE decisão que havia cassado seu mandato e o impedia de assumir o cargo; até então, vinha atuando na pasta informalmente

Foto do author Luci Ribeiro
Por Luci Ribeiro (Broadcast)

BRASÍLIA - O governo federal nomeou Neri Geller para exercer o cargo de secretário de Política Agrícola do Ministério da Agricultura e Pecuária. Anunciado para o cargo desde o início do governo, Geller só foi efetivado na secretária nesta sexta-feira, 22, com a publicação de sua nomeação no Diário Oficial da União (DOU).

Geller já foi ministro da pasta no governo de Dilma Rousseff (PT), deputado federal pelo Mato Grosso e já ocupou a mesma secretaria que assume hoje. Ele vinha atuando informalmente como secretário de Política Agrícola nesta gestão, mas aguardava uma decisão da Justiça — o que ocorreu na semana passada — para poder ter sua nomeação confirmada.

Neri Geller atuava informalmente na pasta, pois estava impedido pela Justiça  Foto: André Dusek/Estadão

PUBLICIDADE

Conforme mostrado pela Coluna do Estadão, o caminho foi aberto após ele conquistar na noite da última quinta-feira, 14, a maioria dos votos no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), cinco de sete, para reverter a cassação de seu mandato, fato que o impedia de integrar formalmente o governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Em agosto do ano passado, a Justiça Eleitoral cassou o mandato de Geller na Câmara dos Deputados por suposto abuso de poder econômico, o que barrou sua candidatura ao Senado e o impediu de assumir a Secretaria de Política Agrícola, que estava sem um titular desde o início do governo, à espera do julgamento dos recursos. O ex-parlamentar foi uma das pontes de Lula com o agronegócio durante a campanha eleitoral, com Carlos Fávaro, seu aliado que se tornou ministro da Agricultura.

A Secretária de Política Agrícola do Ministério da Agricultura é uma das áreas mais estratégicas da pasta. Dentre outras atribuições, a secretaria é responsável pela gestão do Plano Safra e do Programa de Subvenção ao Prêmio do Seguro Rural (PSR).

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.