PUBLICIDADE

Presidente do STF elogia comandante do Exército: ‘Contribui para pacificação do País’

‘Um País deve ser feito da bondade das pessoas, independentemente das suas convicções’, afirmou Barroso em discurso

Foto do author Alex Braga
Por Alex Braga

Durante cerimônia de assinatura de uma parceria entre Exército brasileiro e Supremo Tribunal Federal (STF), o ministro Luís Roberto Barroso elogiou a atuação do comandante da corporação, general Tomás Paiva. Para o presidente da Corte, o militar está colaborando para a “pacificação do País”.

“Estamos tendo a colaboração do Exército brasileiro, comandado pelo general Tomás Paiva, com grande eficiência, grande competência. Um homem que tem conseguido contribuir para a pacificação do País, que também é o projeto deste STF. Um País deve ser feito da bondade das pessoas, independentemente das suas convicções”, afirmou.

Assinatura de acordo de cooperação técnica entre Supremo Tribunal Federal (STF) e o Exército Brasileiro Foto: Antonio Augusto/SCO/STF

PUBLICIDADE

O encontro que selou o convênio para a instalação de uma usina fotovoltaica no prédio do STF, marcou a reaproximação entre as duas instituições um ano após os atos golpistas de 8 de Janeiro.

Antes da assinatura, Barroso e Paiva almoçaram juntos com o objetivo de estreitar as relações institucionais.

Pelas Forças Armadas usarem placas solares em diversos batalhões, sobretudo nos edifícios construídos em regiões de difícil acesso, o STF pediu o auxílio do Exército.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.