Chuvas no Maranhão deixam 30 cidades em situação de emergência

Um município decretou estado de calamidade. Governo mobiliza Corpo de Bombeiros e Defesa Civil

PUBLICIDADE

Foto do author Renata Okumura
Por Renata Okumura
Atualização:

O governo do Maranhão afirmou que 30 municípios estão em situação de emergência em razão das chuvas que atinge a região. Até o momento, uma cidade decretou estado de calamidade pública, Santa Inês, em razão de uma rodovia federal ter sido danificada. “A cidade recebeu todo o apoio do governo estadual e também do governo federal”, afirmou o governador do Estado, Carlos Brandão (PSB).

“Nossas equipes, o Corpo de Bombeiros, a Defesa Civil Estadual, Secretaria de Estado de Infraestrutura e demais órgãos envolvidos estão atentos e dando todo o suporte necessário aos municípios”, disse Brandão.

Imagem de caminhão do Corpo de Bombeiros do Maranhão. Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão

Por meio das redes sociais, o governador também esclareceu que, no momento, não há nenhuma cidade tomada por inundações como tem sido divulgado em algumas publicações de redes sociais.

“As imagens que circulam em páginas de notícias são referentes ao que enfrentamos no ano de 2023 ou de outro período”, afirmou o governador.

“O governo do Estado informa que, no momento, não há nenhuma cidade do Maranhão coberta por águas, conforme relato feito pela Coordenadoria de Proteção e Defesa Civil do Maranhão. Nossas equipes estão atentas e dando suporte necessário aos municípios afetados”, reforçou.

Publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.