Incêndio atinge maior parque em área urbana do Nordeste

Parque Estadual do Cocó, em Fortaleza, tem extenso manguezal e dunas no entorno; vento forte desloca focos das chamas e dificulta o trabalho dos bombeiros

Por Fabio Grellet
Atualização:

Um incêndio – o segundo em 24 horas – atinge o Parque Estadual do Cocó, em Fortaleza, no Ceará, desde a manhã desta quinta-feira, 18. Até o início da tarde, os bombeiros estimavam que o fogo havia consumido uma área equivalente a quatro campos de futebol.

Apesar da mobilização no combate ao incêndio, ele ocorre em uma área de difícil acesso – só é possível chegar ao local a pé – e o vento forte desloca os focos das chamas. Com área de 1.581 hectares, esse parque é o maior em área urbana do Norte e Nordeste brasileiro e o quarto maior da América Latina. Ele tem extenso manguezal e dunas no entorno.

Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará atua para debelar o incêndio que atinge o Parque Estadual do Cocó, em Fortaleza Foto: CBMCE/Divulgação

Segundo os bombeiros, um incêndio foi identificado e combatido em uma área do parque na noite de quarta-feira, 17. Esse foco foi debelado por volta das 21h30. Mas, às 8h desta quinta-feira, outra área do parque começou a pegar fogo. Entre os equipamentos utilizados pelos bombeiros está um helicóptero com Bambi Bucket – espécie de bolsa utilizada para captar água e arremessá-la sobre as chamas.

PUBLICIDADE

De acordo com o coronel comandante-geral do Corpo de Bombeiros Militar do Ceará, Cláudio Barreto, a meta é extinguir todos os focos de incêndio. “É um trabalho muito lento, porque o vento é muito forte, o que propicia cada vez mais o fogo na vegetação, mas estamos atuando ininterruptamente”, disse.

O governador do Ceará, Elmano de Freitas (PT), afirmou por meio das redes sociais que determinou “apuração rigorosa” sobre as causas do incêndio. “Estou acompanhando, com preocupação, as informações sobre o incêndio em uma área do Parque Estadual do Cocó, em Fortaleza”, escreveu Freitas na rede X (ex-Twitter). “O Cocó é um patrimônio ambiental do nosso Ceará e tem que ser preservado. Determinei apuração rigorosa sobre as causas do incêndio.”

A fumaça do incêndio já se alastrou por áreas urbanas vizinhas, como bairros de Fortaleza a até 20 km de distância e até o município de Caucaia, segundo moradores relatam nas redes sociais.

Publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.