PUBLICIDADE

Fortes chuvas interrompem fornecimento de energia em cidades do interior da Bahia

Por questões de segurança, localidades de alguns municípios precisaram ser desligadas devido ao nível das águas; além disso foi registrado aumento da incidência de raios e quedas de árvores

PUBLICIDADE

Foto do author Renata Okumura
Por Renata Okumura

SÃO PAULO - Por questões de segurança, localidades de alguns municípios do interior da Bahia precisaram ser desligadas devido ao nível das águas nos últimos dias. Além disso, as fortes chuvas provocaram aumento na incidência de raios e na queda de árvores, o que afetou o serviço de energia.  

PUBLICIDADE

"Primeiramente, é importante reforçar que água e eletricidade não combinam em nenhuma circunstância. Em situações como as que estamos vendo em diversas regiões do estado, nós precisamos fazer o desligamento de energia das residências onde o nível da água está próximo ou acima do medidor. Isto é feito por questões de segurança, pois, quando submerso, o aparelho pode provocar um curto-circuito e vazar corrente para as pessoas que estão próximas", disse o superintendente técnico da Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (Neoenergia Coelba), André Araújo. 

Ainda de acordo com Araújo, em situações extremas, o nível da água pode ser tão alto que chega próximo à rede elétrica e aos equipamentos que a compõem. "Neste caso, pelo mesmo motivo de segurança, desligamos a energia da região para que não haja nenhum acidente com a eletricidade", afirmou ele.

Desde o fim de novembro, moradores têm sido castigados pelas tempestades que já deixaram 18 mortos, 286 feridos e cerca de 15,4 mil sem casa. No total, 72 municípios já estão em situação emergência e houve rompimento de pelo menos duas barragens, conforme dados atualizados até domingo, 26. 

Lista de municípios que tiveram localidades com energia desligada:

  • Cravolândia;
  • Dário Meira;
  • Ibicaraí;
  • Ilhéus
  • Itabuna;
  • Itacaré;
  • Itajuípe;
  • Itambé;
  • Itapetinga;
  • Jaguaquara;
  • Jequié;
  • Santa Inês;
  • Tremedal
  • Vitória da Conquista;
  • Wenceslau Guimarães.

Por segurança, fornecimento de energia é interrompido; enchentes deixam moradores ilhados em municípios da Bahia Foto: Twitter/ Neoenergia Coelba

A Neoenergia Coelba afirma que está atuando ininterruptamente, desde o último sábado, 25, para atender todas as situações críticas provocadas pelas fortes chuvas e ventos que atingem diversas regiões da Bahia. 

Publicidade

Temporais provocam deslizamentos e bloqueia rodovias Foto: Camila Souza/ Governo da Bahia

Estradas

As fortes chuvas também têm provocado deslizamentos e interditado rodovias. A Secretaria de Infraestrutura (Seinfra) afirma que continua monitorando a situação nas rodovias estaduais.

Conforme a pasta, mais oito ocorrências foram registradas pelas equipes, no domingo, 26, aumentando para 25 pontos afetados em rodovias de sete diferentes regiões, que são: extremo sul, sudoeste, médio Rio de Contas e Irecê, além da Chapada Diamantina, litoral sul e Recôncavo.

Enchentes 

O número de mortes causadas pelas fortes chuvas na Bahia chegou a 18 neste fim de semana.  Com o aumento do número de cidades atingidas pelas fortes chuvas, o governo da Bahia reforçou a estrutura de apoio às vítimas. Além de Ilhéus, as cidades de Itapetinga, Vitória da Conquista, Ipiaú e Santa Inês também contam com postos avançados para auxiliar o trabalho dos bombeiros. O Estado mantém ainda um gabinete avançado em Itamaraju para dar assistência aos municípios do extremo sul.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.