PUBLICIDADE

The Town: show de luzes anunciado com pompa acaba em anticlímax e gritos por ‘Demi’; leia análise

Detalhe em show de Ney Matogrosso mostra que momentos históricos não precisam ser reproduzidos em grandes eventos, sobretudo de forma desatenciosa

Foto do author Danilo Casaletti
Por Danilo Casaletti
Atualização:

Planejado para ser um grande momento do primeiro dia do The Town, o show de luzes que começou no palco Skyline por volta das 20h20 deste sábado, 2, não empolgou a plateia, que assistiu à confusa apresentação de Ney Matogrosso sob a forte chuva que caía na Cidade da Música, em Interlagos.

100 mil pulseiras se acenderam ao mesmo tempo no The Town Foto: Reprodução/Multishow

PUBLICIDADE

Para relembrar a abertura do primeiro Rock in Rio, Ney cantou América do Sul, canção com a qual ele abriu o festival carioca daquele ano. O cantor parecia inseguro com o figurino, que remetia a um pássaro, com o frio e com o palco molhado. Além disso, a música, sucesso de seu disco Água do Céu - Pássaro, de 1975, há tempos não estava em seu repertório.

Durante a apresentação do cantor, as pulseiras distribuídas para o público do festival, algo difundido pela banda Coldplay, piscaram luzes coloridas de maneira bastante tímida. No céu, uma rápida queima de fogos que não empolgou ninguém.

Sem entender nada, o público já posicionado para ver uma das grandes atrações da noite, a cantora americana Demi Lovato, começou a gritar “Demi, Demi, Demi”.

O momento deve ficar marcado como o grande anticlímax da primeira edição do The Town. Momentos históricos não devem ser reproduzidos, sobretudo de forma desatenciosa.

Entenda o show de luzes no show de Ney Matogrosso

O estreante festival contou com uma novidade: milhares de pulseiras multicoloridas distribuídas ao público, que acenderam ao mesmo tempo. Neste sábado, 2, os 100 mil acessórios se iluminaram perto das 20h, criando um efeito visual impressionante. O momento foi acompanhado de uma apresentação especial de América do Sul, cantada por Ney Matogrosso.

A ideia da ação foi de homenagear o primeiro Rock in Rio, quando a plateia também foi iluminada. Na ocasião, o festival foi aberto com a voz de Ney, que voltou aos palcos do The Town no momento que as pulseiras se acenderam.

Publicidade

Esse tipo de pulseira, capaz de emitir luzes multicoloridas quando acionada à distância, ficou popular ao ser distribuído nas turnês do Coldplay. Os acessórios do The Town ficaram iluminados por 10 minutos em todo o festival. Houve ainda 6,3 mil spots de luz, além de mil metros quadrados de LED.

Veja mais imagens do momento:

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.