PUBLICIDADE

Faustão internado: apresentador faz transplante de rim; veja boletim

Apresentador fez a cirurgia no Hospital Israelita Albert Einstein, onde está internado desde domingo, 25

Por Larissa Godoy
Atualização:

O apresentador Faustão passou por uma cirurgia de transplante do rim na manhã desta segunda-feira, 26. De acordo com boletim emitido pelo Hospital Israelita Albert Einstein, onde o apresentador está internado desde domingo, 25, o transplante foi necessário em função de um agravamento de uma doença renal crônica.

O apresentador Faustão Foto: Raquel Cunha / Globo / Divulgação

“O paciente Fausto Silva deu entrada no Hospital Israelita Albert Einstein no dia 25 de fevereiro para preparação para um transplante de rim, em função do agravamento de uma doença renal crônica, após o Einstein ter sido acionado pela Central de Transplantes do Estado de São Paulo e realizado a avaliação sobre a compatibilidade do órgão doado. A cirurgia aconteceu, sem intercorrências, na manhã de ontem, 26. O paciente seguirá em observação para acompanhamento da adaptação do órgão e controle clínico”, informa o boletim divulgado para a imprensa.

Em 2023, Faustão passou por um transplante de coração

Em 27 de agosto de 2023, Faustão foi submetido a um transplante de coração no mesmo hospital. Ele teve alta cerca de 15 dias depois da cirurgia e seguiu em recuperação domiciliar.

Faustão passa por novo transplante Foto: @faustaodomeucoracao via Instagram/

PUBLICIDADE

A necessidade do transplante veio à tona após Faustão apresentar sérios problemas de saúde, que inicialmente o levaram ao hospital em 17 de agosto, após sentir-se mal. A gravidade de seu estado motivou a inclusão de seu nome na lista única de espera por um transplante cardíaco, coordenada pelo Sistema Nacional de Transplantes. Esse sistema assegura a equidade no acesso a transplantes, independentemente de serem pacientes de redes públicas ou privadas de saúde.

A compatibilidade do coração transplantado foi confirmada após uma série de testes rápidos, desencadeados pelo aviso da Central de Transplante do Estado de São Paulo sobre a disponibilidade de um órgão. Seguindo a cirurgia, Faustão foi mantido na UTI para monitoramento cuidadoso da adaptação ao novo órgão e prevenção de possíveis rejeições.

Durante este período crítico, a família de Faustão e ele próprio mantiveram o público informado sobre seu estado de saúde, inclusive por meio de um vídeo em que o apresentador solicitava orações e expressava estar recebendo ótimos cuidados.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.