PUBLICIDADE

Publicidade

Apresentamos cronograma de revisão de gastos para 2024 em contribuição para meta zero, diz Tebet

Segundo a ministra, não foi pensado em economia, mas em ‘repriorizar’ gastos

Foto do author Fernanda Trisotto
Por Fernanda Trisotto (Broadcast)

BRASÍLIA - A ministra do Planejamento e Orçamento, Simone Tebet, apresentou o cronograma da revisão de gastos públicos em 2024 em reunião com o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, na tarde desta quarta-feira, 21.

PUBLICIDADE

O projeto é uma colaboração da pasta para identificar programas menos eficientes que podem ter uma melhor alocação dos recursos, com o foco de repriorizar o uso do dinheiro público, e auxiliar na perseguição da meta fiscal de zerar o déficit das contas públicas neste ano.

“Apresentamos o cronograma de 2024, o quanto poderemos contribuir na revisão de gastos para o Orçamento brasileiro e, consequentemente, para que possamos cumprir a meta zero imposta pelo arcabouço fiscal”, disse ao deixar a reunião. “Não estamos falando em economia, mas em repriorizar os gastos”, defendeu a ministra.

Tebet lembrou que há parceria de outros ministérios para a revisão dos gastos e citou como exemplo o Ministério do Desenvolvimento Social e o pente-fino do Bolsa Família, além da colaboração do Ministério da Previdência e INSS com os benefícios previdenciários.

Simone Tebet, ministra do Planejamento Foto: Washington Costa/ Ministério do Planejamento

A ministra destacou que no momento oportuno será divulgado um cronograma da revisão e os montantes previstos para 2024 e que há um cardápio de ações possíveis, que foram apresentadas a Haddad hoje - o ministro ficou satisfeito com as informações.

Ela reiterou que alguns desses pontos dependem de decisões políticas que precisam do aval do presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.