PUBLICIDADE

EXCLUSIVO PARA ASSINANTES
Foto do(a) coluna

Bastidores do mundo dos negócios

Mexicana Casai fecha parceria para administrar apartamentos de family offices em SP

PUBLICIDADE

Por
Atualização:
Imóveis ficam na região da Vila Olímpia, área nobre da capital paulista    Foto:   Tiago Queiroz/Estadão

A startup de hospedagem mexicana Casai fechou parceria com a Six Stays para administrar 82 apartamentos que pertencem a family offices e ficam na região da Vila Olímpia, em São Paulo. Os imóveis são adaptados para o corporate housing - aluguel de curta ou média estadia para executivos a trabalho.

PUBLICIDADE

Com o negócio, a Casai passa a gerir cerca de 600 ativos nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro e Florianópolis. Metade do portfólio já está em solo brasileiro, e a expectativa é que o mercado aqui supere o da terra natal, segundo o diretor de expansão Daniel Hermann.

A empresa faz a gestão de aluguéis de curta temporada de apartamentos de alto padrão, que são locados via AirBNB ou pelo aplicativo próprio. O serviço imobiliário vai desde a decoração e manutenção dos apartamentos até a gestão dos aluguéis e atendimento dos clientes. Sem apartamentos próprios, administra ativos de fundos e family offices e também de proprietários de um único apartamento.

Fundo de investimento imobiliário

Em 2021, a Casai lançou em parceria com a gestora Navi um Fundo de Investimento Imobiliário (FII). Negociado na B3 sob o código APTO11, o fundo compra unidades residenciais em regiões nobres de São Paulo que ficam sob gestão da Casai. "Os fundos imobiliários residenciais ainda engatinham no Brasil. O aumento da taxa de juros faz diminuir o interesse em FIIs, mas a tese do aluguel de curta estadia está conquistando espaço", afirma Hermann. A Casai também atua em imóveis da gestora americana Cerberus.

Publicidade

A vantagem para a startup e para os fundos é a escala da operação, diz o executivo. "Deixar vários ativos na mão de uma administradora reduz a dor de cabeça para a gestão do fundo, enquanto para a Casai é mais fácil dialogar com apenas um proprietário", afirma.

A empresa também usa tecnologia para elaborar métricas sobre a locação dos imóveis e sobre o mercado imobiliário na região, o que acaba sendo um serviço também aos gestores do fundo.

 

Esta nota foi publicada no Broadcast Investimentos no dia 21/02/22, às 11h33.

O Broadcast+ é uma plataforma líder no mercado financeiro com notícias e cotações em tempo real, além de análises e outras funcionalidades para auxiliar na tomada de decisão.

Para saber mais sobre o Broadcast+ e solicitar uma demonstração, acesse.

Publicidade

Contato: colunabroadcast@estadao.com

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.