Publicidade

Embraer: Porter Airlines encomenda 25 jatos E195-E2; acordo é avaliado em US$ 2,1 bilhões

Novo pedido se soma aos 50 jatos já encomendados pela companhia aérea canadense

Por Júlia Pestana
Atualização:

A Porter Airlines fez um novo pedido de 25 jatos E195-E2 da Embraer, em um acordo avaliado em US$ 2,1 bilhões a preço de lista. O novo pedido se soma aos 50 jatos já encomendados pela companhia aérea canadense e será adicionado à carteira de “pedidos firmes” do quarto trimestre de 2023.

PUBLICIDADE

A frota de jatos visa ampliar o serviço da companhia a destinos na América do Norte, segundo comunicado ao mercado divulgado na quarta-feira, 29. Recentemente, a companhia anunciou novos destinos, incluindo Las Vegas, Miami, São Francisco e Los Angeles, e também planeja voar para o México e Caribe.

Agora, a companhia aérea canadense passa a ter um total de 75 pedidos, com 25 direitos de compra remanescentes. A Porter é o cliente de lançamento do E195-E2 na América do Norte e já recebeu 24 dos jatos encomendados até agora.

Porter Airlines fez um novo pedido de 25 jatos E195-E2 da Embraer, em um acordo avaliado em US$ 2,1 bilhões.  Foto: Roosevelt Cassio/Reuters

O presidente e CEO da Porter Airlines, Michael Deluce, disse que o começo da operação com o E195-E2 marcou o início de nova era. “A aeronave tem superado as nossas expectativas desde a entrada em operação, especialmente pelo baixo consumo de combustível e o alto nível de satisfação dos nossos clientes, que têm desfrutado de viagens tranquilas e confortáveis”, afirmou.

Já o presidente e CEO da Embraer Aviação Comercial, Arjan Meijer, disse que a Porter Airlines é uma empresa disruptiva, que oferece uma experiência de alto nível para os passageiros e que está revolucionando o mercado da América Norte. “A escolha do E2 para oferecer um serviço de alto nível é uma prova do conforto e das capacidades dessa aeronave e reforça o fato de que o E2 é a aeronave de corredor único mais silenciosa e eficiente do mundo”, disse.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.