Publicidade

Metalúrgicos da GM em SP aprovam proposta de PLR de até R$ 15,3 mil

Valor da Proposta de Participação nos Lucros e Resultados da empresa é 12% superior ao que foi estabelecido no ano passado, segundo o sindicato

Por Agência Estado
Atualização:

Metalúrgicos da General Motors (GM), em São José dos Campos (SP), aprovaram a proposta de Participação nos Lucros e Resultados (PLR) da empresa, que pode chegar, segundo o sindicato local, a R$ 15,33 mil, valor 12% superior ao do ano passado.

PUBLICIDADE

Pelo acordo, caso a montadora atinja 80% das metas previstas para este ano, com a produção de 355 mil unidades, os metalúrgicos terão uma PLR de R$ 9,7 mil.

Caso a GM produza a meta de 385 mil carros em 2012, ou 6% menos que no ano passado, os trabalhadores receberão R$ 12,13 mil de PLR. Se a montadora atingir 410 mil veículos, ou 120% da meta de 2012, o valor chega a R$ 14,56 mil. O pagamento de R$ 15,35 mil ocorrerá se a empresa superar os 120% da meta de produção.

Os 7.922 trabalhadores receberão antecipação da PLR de R$ 6,6 mil ainda em maio e a diferença será paga em uma segunda parcela, em janeiro de 2013.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.