Confira as listas dos passaportes mais e menos poderosos do mundo em 2024; veja posição do Brasil

Pela primeira vez, seis passaportes compartilham o posto dos melhores do mundo, com acesso a 194 destinos sem necessidade de visto

PUBLICIDADE

Por Jessica Brasil Skroch

O Índice de Passaportes Henley de 2024, ranking que classifica quais passaportes do mundo dão acesso a mais destinos sem necessidade de visto prévio, tem pela primeira vez seis países compartilhando o topo da lista. França, Alemanha, Singapura, Itália, Japão e Espanha possuem os melhores passaportes do mundo, com acesso a 194 destinos sem a necessidade de visto, entre 227 destinos diferentes.

PUBLICIDADE

O ranking, divulgado na quarta-feira, 10, pela organizadora Henley & Partners, se baseia em dados oficiais da Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA). No ano passado, os dois asiáticos que ocupam o primeiro lugar em 2024 dominaram o primeiro lugar no índice nos últimos cinco anos.

O Brasil ocupa a 17ª posição, com acesso a 173 países sem visto antecipado. No ano passado, o Brasil ocupava a 19ª posição, podendo visitar 168 países sem a necessidade de emitir um visto prévio para entrar no território. Os únicos latino-americanos melhor colocados em 2024 são a Argentina (16º lugar) e o Chile (15º lugar).

Passaporte brasileiro está na 17ª posição do ranking  Foto: Divulgação/Polícia Federal

Para o presidente da Henley & Partners, Dr. Christian H. Kaelin, a tendência ao longo dos 19 anos de história do ranking tem sido uma maior liberdade de viagem, mas a lacuna global de mobilidade entre aqueles no topo e na base do índice agora está mais ampla do que nunca.

“O número médio de destinos aos quais os viajantes podem acessar sem visto quase dobrou de 58 em 2006 para 111 em 2024. No entanto, ao entrarmos no novo ano, os países mais bem classificados agora podem viajar para impressionantes 166 destinos a mais sem visto do que o Afeganistão, que está na parte inferior do ranking com acesso a apenas 28 países sem visto”, diz Kaelin em comunicado de imprensa.

Em segundo lugar estão a Coreia do Sul, Finlândia e Suécia. Áustria, Dinamarca, Irlanda e Países Baixos compartilham o terceiro lugar com acesso a 192 destinos. Neste ano, o Reino Unido subiu duas posições para o quarto lugar, com acesso sem visto a 191 destinos, em comparação com apenas 188 no ano anterior.

Austrália e Nova Zelândia melhoram sua classificação para o sexto lugar, com 189 destinos sem visto. Os Estados Unidos mantiveram o sétimo lugar, com acesso a 188 destinos sem a necessidade de visto prévio. Há dez anos, Reino Unido e os EUA ocupavam o primeiro lugar no índice, segundo a organização.

Publicidade

Abaixo, veja os países que estão nas dez melhores e nas dez piores posições do ranking:

Os passaportes mais fracos

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.