PUBLICIDADE

Foto do(a) blog

Dicas de decoração para deixar sua primeira morada mais bonita e aconchegante

Opinião|Viver bem vai além de uma casa bonita

O design de interiores caminha para oferecer uma moradia que traga, acima de tudo, bem estar aos seus usuários

Foto do author Anelisa Lopes
Atualização:

Um padrão de rotina mais saudável tem se consolidado como estilo de vida para muitos no pós pandemia. E ele não se restringe a uma alimentação sadia e à prática de exercícios físicos. Engloba também autocuidado, mental e espiritual, e a busca por produtos e soluções que vão além do visual e que tragam benefícios medidos pela disposição e energia diárias. 

PUBLICIDADE

(ANELISA É JORNALISTA E DESIGNER DE INTERIORES. PERFIL NO INSTAGRAM: @anelisalopes)

A casa mudou seu contexto de usabilidade após o isolamento social. Ela está se alinhando à forma como as pessoas querem e ou estão vivendo. A evolução dos projetos de interiores tem guiado os profissionais a ir além dos elementos básicos da funcionalidade, comodidade e estilo. A preocupação com os recursos naturais e o estabelecimento de uma cadeia produtiva sustentável também já tem feito parte da agenda das marcas e dos profissionais que têm este tipo de preocupação há alguns anos. Então, qual é o movimento que o design está seguindo? 

O do bem-estar. Obviamente, ele tem relação direta com uma casa bonita e bem equipada, mas também está conectado a elementos imperceptíveis, encarregados de proporcionar esta sensação que tem sido tão desejada, mesmo que inconscientemente. De que forma uma casa pode ser preparada para oferecer bem estar? 

Em primeiro lugar, é preciso diferenciá-la de conforto. "O conforto engloba a comodidade física do usuário, pensada no processo de construção de um mobiliário, levando-se em consideração, principalmente, a ergonomia, que precisa ter medidas corretas e uma densidade específica dos materiais utilizados. Quando se fala em bem estar, englobam-se não só as soluções estéticas e funcionais, mas também acontece uma promoção da saúde do usuário, atendendo suas necessidades físicas a longo prazo", explica Giuliane Enzweiler, gestora de marketing da marca Salva, que lançou uma linha de estofados com a tecnologia Nanobionic.

Publicidade

Entre os benefícios, se destacam a renovação da energia corporal e melhor disposição ao longo do tempo. Por meio de raios infravermelhos, emitidos pelos minerais concentrados em uma manta sob o revestimento do sofá ou da poltrona e ativados pelo calor do corpo humano, a energia é devolvida ativando o fluxo sanguíneo local. O processo melhora a circulação, que beneficia a recuperação celular, oxigenação sanguínea, aprimora o desempenho atlético e promove um sono mais tranquilo. Com o tempo, o usuário se sente mais disposto e enérgico.

A tecnologia agregada aos produtos tem sido o caminho para esta oferta. Ao investir em inovações que

atendam às demandas específicas de cada circunstância e às preferências individuais, uma experiência de personalizada e benéfica é entregue. "A cama tem papel fundamental. Ela é um refúgio onde nos

desconectamos. O enxoval é parte essencial desse processo, pois é ele que entra em contato direto com nossa pele e pode proporcionar uma experiência sensorial única. Lençóis, edredons, cobertas e toalhas têm um papel significativo no bem-estar global e, ao integrá-lo a tecnologias inovadoras em tecidos, como fibras

naturais, contribui-se para um sono melhor. A nanotecnologia surge como uma ferramenta essencial", aponta Rafael Buddemeyer, diretor comercial da Buddemeyer. 

Publicidade

A casa está ficando mais inteligente e, dessa forma, o mobiliário passa a ser multifuncional para trazer o bem estar. Espaços integrados e compartilhamento de ambientes pedem estofados para descanso, lazer, para armazenar itens em compartimentos, carregar celulares em entradas USB ou com bandejas acopladas para proporcionar relaxamento. Além de agregar tecnologia ao material utilizado na fabricação de produtos, comandos de voz, por exemplo, adaptam o uso dos móveis. "Os móveis inteligentes desaceleram o ritmo da rotina para que seus usuários entrem em contato consigo mesmo e possam descobrir sua essência", conclui Thayse Freiberger, diretora de marketing do grupo Bell Arte. 

E o bem estar também pode ser incorporado por meio de objetos de decoração? De acordo com o diretor executivo da feira ABCasa Anderson Passos, sim. "O segmento está se restabelecendo com produtos mais sofisticados e com valor agregado mais alto. A decoração, além de ser a expressão da identidade do morador, pode valorizar o ser humano. O anfitrião está em alta: ele deseja não só vestir a sua casa, mas criar momentos e experiências dentro dela". 

O bem estar vai al[em de uma casa bonita (foto: Cavu Homes/Pinterest)  

NOVIDADES NO CIRCUITO 

BoomSPDesign - a exposição Design 2×2 acontece durante a 17ª edição BoomSPDesign, entre 18 e 24 de março, no Circolo Italiano San Paolo. O fórum de arquitetura, design e arte promove a cultura do design e suas conexões desde 2008.

BoomSPDesign Horário: das 12h às 22h Local: Circolo Italiano San Paolo Endereço: Av. Ipiranga, 344 - 2º andar - SP

Publicidade

Inscrição gratuita

Opinião por Anelisa Lopes

Anelisa Lopes (@anelisalopes) é mãe, designer e jornalista. Após atuar por quase duas décadas como jornalista no segmento automotivo, decidiu estudar design de interiores para converter sua paixão por decoração em uma nova carreira. Hoje, faz consultorias e projetos para transformar espaços e vidas.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.