BBB 24: Lucas Henrique é o brother que mais venceu provas até agora; veja ranking

O capoeirista já foi anjo e conquistou a liderança três vezes

PUBLICIDADE

Foto do author Maria Fernanda Viana
Por Maria Fernanda Viana

Lucas Henrique se tornou o brother que mais venceu provas no Big Brother Brasil 24. Com a conquista da liderança da semana, o carioca acumula quatro vitórias dentro da casa mais vigiada do Brasil.

Lucas Henrique vence 10ª prova do líder do BBB 24. Foto: Reprodução de vídeo/Rede Globo

PUBLICIDADE

Até a última quinta-feira, 29, ele estava empatado com Michel e Matteus, que ganharam três provas até agora. Com a última prova, ele acumula um anjo e três lideranças.

Até o momento, o BBB 24 já teve 18 disputas, sendo sete pela imunidade e onze pela liderança. Dos 15 participantes do reality show, sete deles ainda não venceram nenhuma prova, sendo eles: Alane, Davi, Giovanna, Leidy Elin, Pitel, Yasmin Brunet e Wanessa.

Confira o ranking de quem já venceu mais provas:

1. Lucas Henrique

Lucas Henrique conquistou a liderança três vezes. Foto: Reprodução/Rede Globo

O capoeirista foi o segundo anjo do BBB 24 ao lado do eliminado Lucas Luigi. Ele foi o líder na terceira, oitava e décima primeira rodada.

2. Matteus e Michel

Michel é o anjo pela terceira vez consecutiva. Já Matteus conquistou a imunidade na primeira e na quarta prova, além de ter conquistado a liderança na quarta semana do confinamento.

3. Fernanda

Fernanda, do BBB 24, ganha Prova do Anjo. Foto: Reprodução/Globoplay

A confeiteira venceu duas provas: uma do líder e uma do anjo. Ela estava empatada com Rodriguinho, que conquistou a liderança duas vezes, e foi eliminado na última terça-feira, 27.

4. Beatriz, Isabelle, MC Bin Laden e Raquele

Beatriz, Isabelle, Mc Bin Laden e Raquele ganharam uma prova cada dentro do BBB 24. Foto: Divulgação | Rede Globo

Os quatro brothers venceram uma prova da liderança cada. O cantor foi o sexto líder da edição, Raquele a nona e Isabelle e Beatriz ganharam a décima disputa juntas.

Publicidade

*Estagiária sob supervisão de Charlise Morais

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.