PUBLICIDADE

Atleta de 100 anos realiza salto no Mundial de Esportes Aquáticos e chora ao ser homenageado; veja

Taghi Asgari leva arquibancada à loucura ao cair na piscina; ele conquistou duas medalhas nos primeiros Jogos Asiáticos da história

Por Sergio Neto
Atualização:

O sábado, dia 10 de fevereiro, ficou marcado por um momento de grande emoção no cenário esportivo mundial durante o Mundial de Esportes Aquáticos, que acontece em Doha, no Catar. Uma cena que transcende as competições emocionou todos os presentes nas provas do dia. O iraniano ex-saltador, Taghi Asgari, aos 100 anos de idade, foi homenageado de forma especial.

Diante de uma arquibancada emocionada, Asgari celebrou sua longa trajetória no esporte realizando um pulo na piscina, gesto que foi recebido com uma ovação calorosa pelo público.

Antes de seu salto, Asgari foi saudado pela torcida nas arquibancadas, que reconheceu sua contribuição para o esporte ao longo das décadas. Visivelmente emocionado, o ex-saltador não conteve as lágrimas ao receber uma simbólica medalha em reconhecimento à sua dedicação e conquistas no mundo esportivo.

Taghi Asgari, de 100 anos, é homenageado no Mundial de Esportes Aquáticos. Foto: Reprodução/X WorldAquatics

PUBLICIDADE

Taghi Asgari possui uma história incrível, marcada por momentos de glória e superação. Ele conquistou duas medalhas nos primeiros Jogos Asiáticos da história, realizados em 1951, na cidade de Nova Deli, na Índia, esbanjando talento excepcional e determinação.

Com sua aposentadoria aos 41 anos, Asgari deixou um legado de sucesso e inspiração. Seu título nacional no trampolim é apenas um dos muitos feitos que o destacam como um verdadeiro ícone do esporte. Mais do que um atleta, Taghi Asgari representa um exemplo de saúde, longevidade e amor pelo esporte. Sua dedicação ao longo dos anos é vista como inspiração, mostrando que o espírito esportivo transcende as barreiras do tempo e da idade.

O Mundial de Esportes Aquáticos em Doha tornou-se palco não apenas de competições acirradas, mas também de momentos comoventes e marcantes, como essa homenagem prestada a Taghi Asgari.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.