Publicidade

Saiba preço do antigo letreiro do MorumBis e como participar de leilão do São Paulo

Lances pelas letras que compunham fachada do estádio, com o nome completo do clube, e dois escudos podem ser dados de forma online até quinta-feira

PUBLICIDADE

Foto do author Redação
Por Redação
Atualização:

O São Paulo está promovendo um leilão do letreiro que decorava a fachada do Estádio Cícero Pompeu de Toledo antes da venda dos naming rights da casa tricolor para a Mondelez. O MorumBis foi reestilizado e cada uma das letras do nome completo do clube pode virar um item de decoração para a casa dos são-paulinos mais fanáticos.

Além das 20 letras de São Paulo Futebol Clube, também fazem parte do leilão dois escudos da equipe. A comercialização é promovida pela Sodré Santoro Leilões e terá a verba arrecadada destinada ao Fundo Social de São Paulo, órgão do governo estadual que atende pessoas em situação de vulnerabilidade social.

Letreiro do MorumBis vai decorar a fachada do estádio pelos próximos três anos. Foto: São Paulo FC via X

PUBLICIDADE

O leilão acontece de forma online e será encerrado na próxima quinta-feira, dia 7. Os valores atuais das peças podem ser acessados pelo site https://leilaomorumbis.sodresantoro.com.br/. Para participar do evento, o interessado deverá se cadastrar no mesmo site.

“Este leilão, além de sua nobre causa beneficente, é uma celebração da paixão, da história e do orgulho que envolvem o São Paulo Futebol Clube. Convidamos todos os interessados a se unirem a nós neste momento único e fazerem parte da história deste grande clube”, afirma a Leiloeira Oficial Mariana Lauro Sodré Santoro Batochio.

A letra mais barata é um U, que tem como lance atual R$ 1.600. Já a letra mais cara é um S, que vale até agora R$ 5.600. Os itens mais dispendiosos são os escudos. Um está sendo comercializado por R$ 6.600 e outro por R$ 5.800.

Com o novo letreiro, também foram retiradas as inscrições com o nome oficial do estádio, Cícero Pompeu de Toledo, essas letras, porém, ficarão em posse do clube e serão destinadas a um memorial. O acordo entre São Paulo e Mondelez é válido por três anos. A equipe deve arrecadar cerca de R$ 90 milhões pelo contrato.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.