PUBLICIDADE

Publicidade

Bia Haddad e Thiago Wild, os dois melhores tenistas do Brasil, caem no ranking

Eliminação em Pequim em meio a lesões nas mãos faz com que brasileira perca posição na WTA; no masculino, competidor paranaense está entre os 80 mais bem posicionados da ATP

Foto do author Felipe Rosa Mendes
Por Felipe Rosa Mendes
Atualização:

Após ser eliminada na estreia no WTA 1000 de Pequim, na semana passada, a brasileira Bia Haddad Maia perdeu uma posição no ranking, na atualização desta segunda-feira, dia 9. No entanto, a tenista número 1 do Brasil continua dentro do Top 20, exatamente no 20º lugar. Nas duplas, ela ganhou um posto e agora figura em 15º. Bia caiu na estreia da competição chinesa porque ainda se recupera de lesões que sofreu nas duas mãos quando estava no México. No mês passado, ela foi vítima de um acidente doméstico no hotel oficial do WTA 1000 de Guadalajara, quando o box do banheiro estourou, machucando suas mãos.

Em Pequim, Bia ainda não estava 100% diante da italiana Jasmine Paolini e acabou se despedindo logo na rodada de abertura. Nas duplas, conseguiu alcançar as quartas de final. Ela tem como meta para a reta final da temporada 2023 a classificação para o WTA Elite Trophy, torneio que vai reunir as melhores tenistas que não se classificaram para o WTA Finals.

Bia Haddad foi eliminada pela italiana Jasmine Paolini na estreia do WTA 1000 de Pequim. Foto: Andres Martinez Casares/EFE

PUBLICIDADE

A competição conta com tenistas que ficaram entre o 9º e o 19º lugar na corrida do ano. No momento, Bia é a 18ª do ranking da temporada, caindo uma posição na atualização desta segunda. O WTA Elite Trophy será disputado entre os dias 24 e 29 deste mês, na cidade chinesa de Zhuhai.

Entre as tenistas do Top 10, não houve mudanças nesta semana, nem mesmo troca de posições. A primeira alteraçao na lista foi protagonizada pela russa Daria Kasatkina, que subiu um degrau e agora está em 12º.

RANKING MASCULINO

Entre os brasileiros, o paranaense Thiago Wild perdeu três colocações e agora está em 77º pela última atualização, feita na semana passada. Felipe Meligeni caiu um lugar e figura em 143º, enquanto Thiago Monteiro subiu três posições ao conquistar o Challenger de Campinas, no fim de semana. E aparece em 150º.

No Top 10, o italiano Jannik Sinner foi o grande destaque na nova classificação. Campeão em Pequim, na semana passada, ele galgou três colocações no ranking da ATP e agora é o quarto colocado, sua melhor posição da carreira. Ele desbancou o dinamarquês Holger Rune, o grego Stefanos Tsitsipas e o russo Andrey Rublev, que caíram um posto cada.

Confira abaixo a lista do Top 10 do ranking da WTA

  1. Aryna Sabalenka (BLR), 9.480 pontos
  2. Iga Swiatek (POL), 8.890
  3. Coco Gauff (EUA), 6.455
  4. Jessica Pegula (EUA), 5.955
  5. Elena Rybakina (CAS), 5.870
  6. Maria Sakkari (GRE), 4.475
  7. Ons Jabeur (TUN), 4.150
  8. Marketa Vondrousova (RCH), 3.839
  9. Karolina Muchova (RCH), 3.664
  10. Caroline Garcia (FRA), 3.450

Publicidade

Confira o Top 10 do ranking da ATP

  1. Novak Djokovic (SER), 11.545 pontos
  2. Carlos Alcaraz (ESP), 8.715
  3. Daniil Medvedev (RUS), 7.490
  4. Jannik Sinner (ITA), 4.910
  5. Holger Rune (DIN), 4.640
  6. Stefanos Tsitsipas (GRE), 4.615
  7. Andrey Rublev (RUS), 4.550
  8. Taylor Fritz (EUA), 3.865
  9. Casper Ruud (NOR), 3.605
  10. Alexander Zverev (ALE), 3.450
Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.