PUBLICIDADE

Publicidade

Felipe Meligeni sente lesão e desiste do US Open; Stefani e Bia Haddad avançam

Brasileiro perdia por 2 sets a 1 para o argentino Sebastian Báez quando teve uma contusão no tendão de Aquiles

Foto do author Redação
Por Redação
Atualização:

O tênis brasileiro teve três participações nesta quinta-feira no US Open. Felipe Meligeni, esperança no torneio de simples, sentiu uma lesão no tendão de Aquiles esquerdo e abandonou o duelo com o argentino Sebastian Báez, após o terceiro set, quando perdia por 2 a 1, com parciais de 6/7 (7/9), 6/4 e 6/4.

PUBLICIDADE

Eliminada da chave de simples do US Open, Beatriz Haddad Maia estreou nas duplas do major americano nesta quinta, ao lado da parceira belarussa Victoria Azarenka, e superou as húngaras Ana Bondar e Tímea Babos em sets diretos, com parciais de 6/3 e 6/0. Na segunda rodada, Bia e Azarenka vão enfrentar a americana Desirae Krawczyk e a holandesa Demi Schuurs, cabeças número 4 do torneio. O jogo será nesta sexta-feira.

Na chave de duplas feminina, Luisa Stefani e a americana Jenifer Brady estrearam com vitória. Elas venceram a dupla russa formada por Anastasia Pavlyuchenkova e Anna Kalinskaya por 6/1 6/4.

Felipe Meligeni abandona e está fora do US Open. Foto: Sarah Stier/ AFP

A partida marcou o retorno da brasileira ao torneio no qual machucou o joelho na semifinal em 2021. Ela passou por cirurgia e ficou um ano fora até setembro do ano passado.

Luisa e Brady voltam a jogar no sábado ou domingo contra as cabeças de chave 13, as russas Veronika Kudermetova e Liudmila Samsonova. A programação não foi confirmada ainda. Luisa Stefani joga nesta sexta-feira na dupla mista ao lado do britânico Joe Salisbury frente aos americanos Ben Shelton e Taylor Townsend.

O espanhol Carlos Alcaraz passou para a terceira rodada da US Open, nesta quinta-feira, ao vencer o sul-africano Lloyd Harris por 3 sets a 0, com parciais de 6/3, 6/1 e 7/6 (7/4). O próximo adversário do número 1 do mundo é o britânico Daniel Evans, que eliminou o holandês Botic van de Zandschulp por 1/6, 6/1, 6/3 e 6/3.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.