Publicidade

Marcelo Melo e John Peers superam americanos e avançam em Miami; Stefani é eliminada

Dupla de brasileiro e australiano pega Máximo González e Andrés Molteni nas oitavas de final

PUBLICIDADE

Por Estadão Conteúdo

Horas após a classificação de Beatriz Haddad Maia nas duplas, Marcelo Melo foi mais um brasileiro a seguir adiante no Masters 1000 de Miami na noite de sábado. Jogando ao lado do australiano John Peers, Marcelo superou os americanos Marcos Giron e Jeffrey John Wolf por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 7/6. Melo e Peers avançam para as oitavas de final e terão pela frente a dupla argentina formada por Máximo González e Andrés Molteni.

Quem não teve a mesma sorte foi Marcelo Demoliner. Jogando ao lado do americano Christopher Eubanks, o brasileiro perdeu por 2 sets a zero para o americano Mackenzie McDonald e para o holandês Botic van de Zandschulp. As parciais foram de 7/5 e 6/4.

A brasileira Luisa Stefani caiu nas duplas ao lado da canadense Gabriela Dabrowsk para a americana Bernarda Pera e para polonesa Magda Linette. Foto: Arun Sankar/AFP

Também na noite de sábado, Luisa Stefani caiu nas duplas ao lado da canadense Gabriela Dabrowski. Elas foram derrotadas pela americana Bernarda Pera e pela polonesa Magda Linette por 2 sets a 1, parciais de 6/4, 2/6 e 10/5.

Duelos nos simples

PUBLICIDADE

Na noite de sábado ainda houve confrontos importantes na categoria simples do Masters 1000 de Miami. Número 7 do mundo, a casaque Elena Rybakina venceu a espanhola Paula Badosa por 2 sets a 1, parciais de 3/6, 7/5, 6/3. Rybakina agora enfrentará a belga Elise Mertens nas oitavas.

No masculino, a surpresa foi a eliminação do britânico Cameron Norrie, número 12 do mundo, para o francês Grégoire Barrére, por 2 sets a 0 (6/3 e 6/2). Dono da casa, o americano Frances Tiafoe passou pelo japonês Yosuke Watanuki em um jogo intenso, vencido por 2 sets a 1. As parciais foram de 6/7, 7/6 e 6/4.

Número 5 do mundo, Daniil Medvedev confirmou vitória tranquila sobre o espanhol Roberto Carballes Baena por 2 sets a 0 (6/1 e 6/2). Também no top 10 da ATP, o polonês Hubert Hurkacz superou um jogo duríssimo contra o australiano Thanasi Kokkinakis. A partida foi a mais eletrizante do dia e teve um placar completo de tiebreaks, que terminou 6/7 (10-12), 7/6 (9-7) e 7/6 (8-6) após 3h30 de partida.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.