PUBLICIDADE

Publicidade

Circuito Estadual: Pará recebe etapa de estreia do Grupo 2

As disputas acontecerão em Belém nesta semana entre sexta-feira e domingo; Jan é o destaque do torneio

Foto do author Redação
Por Redação
Atualização:

Depois de Pernambuco e Mato Grosso do Sul, chegou a hora do Pará receber pela primeira vez uma etapa do Circuito Estadual Brasileiro de Vôlei de Praia 2009. As disputas acontecerão em Belém entre sexta-feira e domingo. O Pará será o primeiro Estado do Grupo 2 - composto também por Acre, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Roraima, Rondônia e Tocantins - a receber uma etapa da competição. De acordo com o regulamento do Circuito Estadual, apenas atletas filiados a estas Federações poderão se inscrever nas disputas masculina e feminina. Os jogos começarão na sexta com o torneio classificatório. Em sistema de eliminatória simples estarão em jogo as oito últimas vagas para a fase classificatória. A partir de sábado, 24 parcerias - 12 masculinas e 12 femininas - lutarão pelos títulos nas areias paraenses. Inicialmente, os times serão divididos em quatro chaves, com três componentes cada. Após enfrentarem os rivais dentro do próprio grupo, as duas equipes mais bem colocadas se classificam. No domingo, as oito parcerias restantes disputarão a fase eliminatória, formada por quartas-de-final, semifinal e final. Líder do ranking masculino, o paraense Jan voltará a jogar em casa depois de quase cinco anos, quando disputou a etapa paraense do Circuito Brasileiro ao lado do conterrâneo Ricardo. "Gosto muito de jogar no Pará, onde disputei minha primeira final no Circuito. Foi no Challenger de 2000, quando jogava com o Thomaz, em Mosqueiro (PA). Quando vencemos a semifinal, a torcida invadiu a quadra para comemorar. Foi inesquecível. Infelizmente, ainda não venci uma etapa no Estado. Espero que a hora tenha chegado", afirmou Jan, que disputará a competição ao lado do amazonense Luizão. "O Luizão é um excelente jogador e será uma experiência boa jogar ao seu lado. Temos tudo para formar um bom time. Acredito que há outras duas parcerias muito fortes na disputa: Bruno e Thomaz e Celso e André", avaliou.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.