PUBLICIDADE

Vídeo engana ao afirmar que chá de alho e limão pode limpar gordura de artérias e prevenir enfarte

Especialistas afirmam que a bebida possui vitaminas que podem contribuir para a saúde cardiovascular, mas somente sua ingestão não é capaz de prevenir ataques cardíacos

Por Milka Moura

O que estão compartilhando: que o chá do limão com alho suga toda a gordura e sujeira de artérias e previne o enfarte.

O Estadão Verifica investigou e concluiu que: é enganoso. Especialistas ouvidos pelo Estadão Verifica disseram que, apesar de o limão e o alho serem alimentos benéficos à saúde, a infusão não possui propriedades para limpar artérias e prevenir o enfarte. As medidas de prevenção que podem ser adotadas contra ataques cardíacos são exames periódicos, dieta balanceada e exercícios físicos.

Especialistas afirmam que a bebida não é capaz de prevenir enfartes. Foto: Arte/Estadão

PUBLICIDADE

Saiba mais: Um vídeo que circula na internet mostra a preparação do chá de alho com limão, com a afirmação de que a mistura é a receita para “dar adeus ao infarto”. Outra promessa citada no vídeo é a limpeza de gordura das artérias. A peça foi publicada em 18 de agosto e até a publicação desta matéria contava com 29 mil curtidas.

Segundo o cardiologista do Instituto do Coração do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (InCor) Carlos Alberto Pastore, não há qualquer indicação do chá para a prevenção deste mal: “(O chá) não funciona porque (o enfarte) é uma doença de tempo e que leva preposição de placa de gordura, que não tem nada a ver com isso. O limão pode ter realmente fatores preventivos bons, o alho também, mas não nesse caso”, explicou Pastore.

O médico Antonio Amorim, presidente da Sociedade Brasileira de Cardiologia Seção Rio Grande do Norte (SBC-RN), reforça a ineficácia do chá para esse tratamento. O cardiologista explica que o enfarte acontece em razão da formação de uma placa de gordura, criada ao longo dos anos, em uma das artérias do coração.

“Em um determinado momento pode acontecer rompimento dessa placa e formação de um coágulo em cima dela, fechando o vaso totalmente ou parcialmente”, detalhou. “A partir daí deixa de chegar circulação sanguínea em determinado local do coração, causando o chamado infarto do miocárdio”.

Esse acúmulo de gordura nas artérias é chamado de aterosclerose. O professor Ricardo Aun, integrante do conselho científico da Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular (SBACV), explica que o desenvolvimento dessa doença leva em consideração diversos fatores, como: obesidade, hereditariedade, hábitos alimentares, diabetes e hipertensão.

Publicidade

A chave da prevenção para o desenvolvimento desses fatores de risco não é tão simples como a mostrada no vídeo analisado. O indivíduo deve  adotar uma vida saudável, inserir a prática de exercícios físicos, como caminhadas e aeróbicos, na rotina e ingerir alimentos saudáveis, como verduras e legumes. Para pacientes com histórico de doenças crônicas como hipertensão e diabetes, é necessário fazer o tratamento regular dessas patologias.

Alho e limão são alimentos benéficos para a saúde, mas não são a cura do enfarte

O alho e o limão possuem, sim, propriedades antioxidantes e são fonte de vitamina C. Segundo os especialistas ouvidos pelo Estadão Verifica, a ingestão do chá não traz riscos à saúde. Porém, a infusão não é um remédio milagroso. “Não adianta você tomar o chá em jejum duas vezes ao dia sem cuidar dos outros aspectos da sua vida, como o controle da alimentação”, enfatizou Aun, do SBACV.

Como lidar com postagens do tipo: Ao se deparar com uma receita natural com promessa milagrosa na internet, desconfie. Procure sempre informações oficiais de médicos e entidades de saúde antes de seguir o que está sendo compartilhado.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.