PUBLICIDADE

Príncipe Harry viajará para Londres após diagnóstico de câncer do rei Charles III

Segundo a imprensa britânica, Harry conversou com o pai sobre o diagnóstico e pretende viajar da Califórnia para Londres nos próximos dias

Foto do author Redação
Por Redação
Atualização:

O príncipe Harry disse que viajará para Londres nos próximos dias para visitar o pai, o rei Charles III, após a divulgação do diagnóstico de câncer do monarca, informou a BBC. Segundo comunicado do Palácio de Buckingham, o rei já iniciou seu tratamento nesta segunda-feira, 5.

PUBLICIDADE

Harry, que mora na Califórnia com sua esposa Meghan Markle e os filhos Archie e Lilibet, disse ter conversado com o pai sobre seu diagnóstico e informou que pretende ir ao Reino Unido nos próximos dias. Ainda de acordo com a rede de televisão britânica, Charles informou pessoalmente sua família sobre seu diagnóstico, incluindo seus filhos, o príncipe William - herdeiro do trono - e o príncipe Harry, e seus irmãos, a princesa Anne, o príncipe Andrew e o príncipe Edward.

O tipo de tumor não é na próstata, mas segundo a BBC, foi descoberto enquanto o monarca britânico passava por um tratamento no local. Em janeiro ele passou por uma cirurgia para tratar um inchaço na próstata que, segundo os médicos, era benigno.

O príncipe Harry disse ter conversado com rei Charles III sobre o diagnóstico de câncer Foto: Hannah McKay/Reuters

Segundo a nota da Casa Real, o rei está otimista com o tratamento e pretende retomar suas funções em breve. Nesse interim, outros membros da família real, entre eles o príncipe William devem substituí-lo. O rei manterá suas funções de chefe de Estado.

Seguindo a linha de transparência por razão de sua operação de próstata, Charles III “optou por compartilhar seu diagnóstico para evitar especulações, e com a esperança de ajudar o público a compreender aqueles afetados pelo câncer em todo o mundo”, acrescentou o comunicado real.

Harry está em grande parte afastado da família real desde que ele e sua esposa, Meghan, anunciaram que estavam se retirando de suas funções oficiais e se mudando para a Califórnia. Harry e Meghan deixaram suas responsabilidades como membros da monarquia em 2021 e o príncipe já não possui o título de “Sua Alteza Real”, sendo chamado apenas de “duque de Sussex” no site da família real britânica.

Os embates entre Harry e sua família estampam as páginas de tabloides há anos, o que rendeu batalhas judiciais entre o príncipe e a imprensa britânica recentemente. O ápice dos enfrentamentos foi uma entrevista explosiva de Harry e Meghan à apresentadora americano Oprah Winfrey em que o casal acusou, entre outros temas, episódios de racismo dentro da família real.

Publicidade

Em janeiro do ano passado, o príncipe publicou um livro de memórias no qual trouxe novos detalhes dos atritos com sua família, especialmente o irmão William e Kate.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.