PUBLICIDADE

Entenda por que Elon Musk e Mark Zuckerberg estão dispostos a ‘cair na porrada’

Bilionários se estranharam nas redes sociais e se desafiaram para uma luta física

Por Julian Mark
Atualização:

THE WASHINGTON POST - Há apenas seis semanas, o fundador do Facebook, Mark Zuckerberg, competiu em seu primeiro torneio de jiu-jitsu, levando para casa algumas medalhas e postando uma foto no Instagram, com o braço erguido em triunfo após a luta. Agora, o bilionário foi desafiado para “sair na porrada” (uma cage fight, na expressão em inglês) por outro bilionário - Elon Musk - e parece ter aceitado o desafio.

PUBLICIDADE

Musk tem feito provocações a Zuckerberg nas redes sociais em meio a relatos de que a Meta, empresa-mãe do Facebook, está trabalhando em uma plataforma de mídia social para concorrer com o Twitter, que Musk comprou em outubro. Na terça-feira, 20, em uma thread no Twitter sobre os supostos planos da Meta, Musk pareceu concordar com a sugestão de que a Meta copiou outras empresas de mídia social.

Em tom de brincadeira, um usuário disse brincando para Musk “ter cuidado” porque Zuckerberg agora treina jiu-jitsu. Então Musk respondeu: “Eu topo uma luta de jaula se ele quiser rs.” Um dia depois no Instagram, Zuckerberg postou uma captura de tela do tuíte de Musk, com a legenda: “Manda o local.” E Musk depois tuítou “Vegas Octagon”, referindo-se à arena do Ultimate Fighting Championship (UFC).

“Eu tenho um movimento ótimo que chamo de ‘A Morsa’, onde eu simplesmente deito em cima do meu oponente e não faço nada,” Musk acrescentou. O dono do Twitter não respondeu a um pedido de comentário. Perguntada sobre a postagem de Zuckerberg no Instagram, a porta-voz da Meta, Elana Widmann, disse ao The Washington Post em um comunicado: “A história fala por si.”

Zuckerberg e Musk se desafiaram para uma luta física Foto: Manu Fernandez/AP Photo

Não é possível se a luta vai acontecer mesmo - alguns observadores de esportes marciais estão céticos. Isso não impediu que os usuários da internet especulassem sobre como seria uma luta entre os dois bilionários - e quem venceria.

A experiência de luta de Musk é incerta, enquanto Zuckerberg tem ostentado boa forma física. No final de maio, ele postou uma foto vestindo um colete camuflado e escreveu que havia feito 300 agachamentos, 200 flexões e 100 pull-ups, enquanto carregava uma “mochila com peso” de 10 quilos.

Zuckerberg também não esconde sua afinidade pelo jiu-jitsu brasileiro e artes marciais mistas, dizendo no podcast “The Joe Rogan Experience”, em agosto de 2022, que havia se interessado por artes marciais “nos últimos 12 meses.” “É realmente o melhor esporte,” disse Zuckerberg. “Desde o meu primeiro treino, cinco minutos depois, eu pensei, ‘Onde isso esteve durante toda a minha vida?’”

Publicidade

Em outubro, Zuckerberg esteve com sua esposa, Priscilla Chan, presente em um evento pouco comum do UFC, no qual apenas um punhado de espectadores assistia pessoalmente, enquanto a maioria dos assentos estava vazia.

Zuckerberg ainda tinha a faixa branca quando participou do torneio de jiu-jitsu em maio, no qual ganhou uma medalha de ouro e uma de prata. Durante uma das lutas, foi relatado que Zuckerberg chegou a ser nocauteado por estrangulamento em um momento, o que ele negou em um email neste mês ao New York Times.

No centro da troca de provocações entre Musk e Zuckerberg está o plano da Meta de lançar uma plataforma de mídia social para concorrer com o Twitter. A Meta confirmou seus planos para veículos de notícias em março. Neste mês, o site The Verge informou que o novo aplicativo poderia se chamar Threads, e que oficiais da Meta estão promovendo-o como uma plataforma mais “saneamente administrada” do que o Twitter - que tem visto uma debandada de anunciantes desde que Musk assumiu em outubro. /TRADUÇÃO DE BRUNO ROMANI

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.