PUBLICIDADE

iPad 2 já pode ser vendido no Brasil

Modelos Wi-Fi e 3G do tablet da Apple foram homologados pela Anatel nesta quinta, menos de um mês após lançamento nos EUA

PUBLICIDADE

Por Filipe Serrano

O segundo modelo do tablet da Apple, o iPad 2, foi homologado nesta quinta, 31, pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) menos de um mês após o seu lançamento nos Estados Unidos. Isto significa que a Apple já tem autorização para vender o aparelho oficialmente no Brasil.

 

PUBLICIDADE

—- • Siga o ‘Link’ no Twitter e no Facebook

O iPad 2, lançado no início do mês em uma apresentação de Steve Jobs, está a venda nos Estados Unidos desde o dia 11. Na sexta-feira passada o tablet começou a ser vendido em 25 países além dos Estados Unidos, incluindo Europa, Canadá, México e Oceania.

O documento de homologação está disponível para consulta no site da Anatel e foi emitido com a data desta quinta, 31. O aparelho recebeu a mesma classificação do modelo original e foi incluído nas categorias “transceptor de radiação restrita” (no modelo apenas com conexão Wi-Fi, identificado pelo número A1395) e “estação terminal de acesso” (no modelo com 3G, identificado como A1396).

Oficialmente ainda não há previsão para o início das vendas no Brasil. A empresa disse em comunicado divulgado no dia 22 que o iPad 2 começará a ser vendido em abril em Hong Kong, Coréia do Sul, Cingapura e “outros países”, sem dar detalhes sobre quais são os outros países ou qual é a data de lançamento.

O primeiro modelo do iPad foi homologado no Brasil em agosto (a versão 3G) e em setembro (o modelo Wi-Fi), mas só começou a ser vendido no início de dezembro.

O preço do iPad caiu no Brasil logo após o lançamento do segundo modelo nos EUA. Atualmente o tablet é vendido com preços a partir de R$ 1.400 — antes era R$ 1.650 —na loja online da Apple do Brasil e por revendedoras parceiras no varejo.

Publicidade

A Apple manteve o preço antes cobrado pelo iPad original em todos os países onde vende o iPad 2. Se a empresa adotar a mesma política no Brasil, o iPad 2 custará a partir de R$ 1.650.

Durante a apresentação do iPad 2, o CEO e cofundador da Apple, Steve Jobs — de licença média desde janeiro — , afirmou que o tablet havia vendido mais de 15 milhões de unidades desde o início das vendas em 3 de abril do ano passado, quando o primeiro modelo com Wi-Fi começou a ser vendido nos Estados Unidos. Desde a ocasião a Apple não divulgou mais números de venda do tablet.

Analistas chegaram a estimar que o iPad 2 teria vendido entre 400 mil e 1 milhão de unidades no fim de semana de estreia nos Estados Unidos. Em diversas lojas da Apple os estoques do iPad 2 esgotaram-se. O prazo de entrega do iPad 2 na loja online norte-americana da Apple é atualmente de três a quatro semanas.

O presidente da Apple também falou em um “mundo pós-PC”, em que a ideia do computador pessoal, o PC, estaria mudando para um ambiente mais móvel. A consultoria Gartner reduziu sua expectativa de vendas de microcomputadores para este ano e o próximo por causa dos tablets. Outra consultoria, a Canalys, prevê que as vendas mundiais de tablets vão triplicar este ano, passando de 16,9 milhões em 2010 para 50,6 milhões.

* Atualizada às 19h50.

—-Leia mais:iPad é o produto mais desejado no Brasil‘Estado’ lança edição exclusiva para o iPadiPad 2 mantém vantagem no preçoDetalhes que fazem a diferençaAberta a temporada de tablets no BrasilLink no papel – 28/03/2011

Tudo Sobre
Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.