PUBLICIDADE

Bolsonaro se diz certo de que vencerá Lula: ‘É o Flamengo enfrentando o Bangu’

Presidente também falou que fará ‘o maior 7 de setembro possível’ em Brasília neste ano

Foto do author Redação
Por Redação
Atualização:

O presidente Jair Bolsonaro (PL) afirmou neste domingo, 17, que está confiante na reeleição e descartou as chances de o principal adversário, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), ser eleito para o Palácio do Planalto. “É o Flamengo, com todo o respeito, enfrentando o Bangu”, disse. Bolsonaro também anunciou que pretende promover “o maior” 7 de setembro possível em 2022 com desfile militar em Brasília.

As declarações foram dadas a apoiadores em frente ao Palácio da Alvorada. Bolsonaro disse que pretende permanecer na cidade para acompanhar o desfile do Dia da Independência do País. “O Sete de Setembro acho que vai ser muito grande no Brasil”, disse. “Casa com os 200 anos da nossa independência.”

7 de Setembro de 2021 ficou marcado pelas ameaças que o presidente fez ao STF e ao Congresso Nacional. Foto: Felipe Rau / Estadão

PUBLICIDADE

No ano passado, a data representou um dos momentos mais tensos do governo Bolsonaro, quando o presidente acirrou as tensões institucionais com ataques a ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e ao Congresso. Ao discursar nos atos de Brasília e de São Paulo, ele chamou o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes de “canalha” e ameaçou descumprir decisões da Corte.

No início de junho de 2022, Bolsonaro afirmou que seus apoiadores estariam organizando um 7 de setembro para ‘sensibilizar’ o Judiciário.

Questionado se telefonará para Lula caso o petista vença as eleições, Bolsonaro disse ter certeza que não. “Ele que vai ligar para mim”, afirmou. “Até com time reserva, com todo o respeito ao Bangu, lá do meu Estado do Rio de Janeiro”, completou.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.