PUBLICIDADE

São José dos Campos: Prefeito da ‘Cidade de Tarcísio’ tentará 1ª vitória nas urnas contra ex-chefe

Eleito vice em 2020, Anderson Farias (PSD) deve concorrer à reeleição contra o ex-prefeito Eduardo Cury (PSDB), de quem foi secretário; governador adotou município como domicílio eleitoral.

Foto do author Adriana Ferraz
Por Adriana Ferraz

Até abril do ano passado, Anderson Farias (PSD) era mais conhecido em São José dos Campos, no Vale do Paraíba, como um quadro técnico. Formado em Gestão Publica, ele já havia sido secretário municipal de Administração, Transportes e Governança. Mas a renúncia do então prefeito Felicio Ramuth (PSD), atual vice-governador do Estado, lançou o atual prefeito ao comando de uma das principais cidade do interior, conhecida por ser polo de tecnologia e, mais recentemente, reduto tucano.

Em 2024, para permanecer no posto, Farias deverá enfrentar sua primeira eleição majoritária como cabeça de chapa e contra o ex-prefeito Eduardo Cury (PSDB), para quem trabalhou entre 2008 e 2012. O desafio, no entanto, será compartilhado com dois padrinhos: Ramuth, que defenderá sua gestão nas urnas, e o próprio governador, Tarcísio de Freitas (Republicanos), que escolheu São José no final de 2021 como seu domicílio eleitoral.

Prefeitura de São José dos Campos; prefeito Anderson Farias mira apoio do governador Tarcísio  Foto: Felipe Rau/Estadão

Colar a imagem em Tarcísio e Ramuth já faz parte do dia a dia de Farias, que ganhou papel de destaque nas propagandas institucionais do PSD. O prefeito e o vice-governador surgem juntos na publicidade que destaca o uso da tecnologia no transporte municipal. “O Estado de São Paulo segue na mesma linha, trabalhando para quem mais precisa com inovação e eficiência”, destaca Ramuth ao lado de seu ex-vice.

PUBLICIDADE

Semanalmente, o Estadão mostra como está o “esquenta” na corrida pelas principais prefeituras do Estado. A série teve início com São Paulo, a maior e mais rica cidade do País, com orçamento previsto de R$ 107,3 bilhões para 2024.

A disputa em São José pode contar ainda com mais um nome conhecido, mas do lado oposto. O ex-prefeito Carlinhos de Almeida (PT), que governou a cidade entre 2013 e 2016, é citado nas pesquisas como opção na esquerda. E a eventual volta do petista às urnas de São José já movimenta a política local. No início de junho, os vereadores da cidade, sob o comando de Matson Luis Cé, do PSDB, aprovaram a abertura de três Comissões Especiais de Inquérito (CEIs) para investigar possíveis irregularidades na gestão de Almeida.

São denúncias relacionadas ao fornecimento de material escolar, às contas do Instituto de Previdência do Servidor Municipal e a serviços gerais de manutenção em prédios públicos na cidade. Com a vitória de Lula, o petista tem participado mais do debate político, com lives pela internet. O Estadão não conseguiu contato com o ex-prefeito.

Mas a lista de pré-candidatos já tem outros nomes, a começar pela deputada estadual Letícia Aguiar (PP), que tenta se colocar como a representante do bolsonarismo na cidade. Militante fiel, a parlamentar repete o lema do ex-presidente ao trabalhar, segundo ela, por Deus, Pátria, família e liberdade.

Publicidade

Ainda na ala mais à direita, Dr. Elton (PSC) e Shekespeare Carvalho (Republicanos) também têm se colocado à disposição de seus partidos para concorrer à prefeitura. Já na oposição, Carlinhos deve fazer companhia à Professora Jessica Marques, do PSOL, e Vera Lúcia, do PSTU.