‘Sei que meu pai ficaria muito orgulhoso’, diz filho de Gugu sobre seguir carreira como apresentador

João Liberato diz que ainda não recebeu propostas de emissoras, mas se prepara para seguir a profissão do pai; ele homenageou o apresentador na ‘Batalha do Lip Sync’ no último domingo, 8

PUBLICIDADE

Foto do author Redação
Por Redação

Após ter feito uma homenagem ao pai durante a Batalha do Lip Sync, João Augusto Liberato, filho de Gugu, comentou sobre seus próximos passos. Apesar de ainda não ter recebido propostas de nenhuma emissora, João revelou que pretende seguir a carreira como apresentador.

PUBLICIDADE

“Sei que meu pai ficaria muito orgulhoso”, comentou ele em entrevista ao OFuxico nesta segunda-feira, 9. João, que diz que pretende se formar em administração de empresas e comunicação em 2024, considera que precisa de mais experiência no palco.

“Pretendo estudar mais sobre a televisão, descobrir como a direção é feita, como a produção é feita. [...] Pretendo me envolver mais com isso, participando de mais programas, se Deus quiser, se Deus me der essa oportunidade”, afirmou.

O filho do apresentador não descarta uma carreira na atuação, mas diz que sente um “frio na barriga” quando sobe em palcos na TV. “Eu realmente acho que é a paixão da minha vida”, conta.

João Augusto Liberato fez uma homenagem a Gugu na 'Batalha do Lip Sync'. Foto: Léo Rosario/Globo/Divulgação

Ele também deixou um recado para o pai, que morreu em 2019. “Infelizmente, não tivemos muito tempo para conversar sobre essa área profissional. O senhor faleceu muito cedo, mas eu quero dizer que eu vou honrar o seu legado. Esse é um dos objetivos da minha vida: honrar sua memória, que foi linda”, disse.

João fez uma homenagem a Gugu durante uma participação na Batalha do Lip Sync, quadro do Domingão com Huck, no último domingo, 8. Ele escolheu dublar Pintinho Amarelinho e simulou o cenário do Domingo Legal durante uma apresentação de A dor desse amor, do grupo KLB.

Ele enfrentou João Silva, filho de Faustão. Ao final, Luciano Huck decidiu declarar os dois como vencedores e entregou um cinturão de honra ao mérito a cada um.

Publicidade

“Eu não teria coragem de dar um prêmio para o filho do Gugu e não dar para o filho do Faustão. E não teria coragem de dar para o filho do Faustão e não dar para o filho do Gugu”, justificou. Confira as apresentações de João Liberato:

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.