PUBLICIDADE

Publicidade

‘Carro voador’: Eve fecha acordo com SkyScape, empresa de vertiportos do Japão

Japonesa SkyScape vai implementar a solução de Gerenciamento de Tráfego Aéreo Urbano (Urban ATM) da Eve, sendo o 13º cliente da empresa a adotar o sistema

Por Beth Moreira

A Eve Air Mobility, da Embraer, anunciou na noite de segunda-feira, 19, que firmou um acordo com a SkyScape, empresa japonesa especializada no desenvolvimento e gestão de vertiportos (projetados para a descolagem, aterragem e manutenção de Veículos Aéreos de Descolagem e Aterragem Vertical) sediada em Osaka, para implementar a solução de Gerenciamento de Tráfego Aéreo Urbano (Urban ATM) da Eve. A solução fará parte do conceito de operações de Mobilidade Aérea Avançada (AAM) anunciado pelo governo japonês.

Segundo a empresa, com esse acordo, a SkyScape se estabelece como o 13º cliente a adotar o sistema de Urban ATM da Eve e o sexto a integrar a solução em seu vertiporto.

'Carro voador' que está em desenvolvimento pela Eve Air Mobility, empresa da Embraer.  Foto: Embraer/Divulgação

PUBLICIDADE

A empresa defende que o software de Urban ATM da Eve é um elemento fundamental para a implementação e escalabilidade da Mobilidade Aérea Urbana (UAM). “A tecnologia oferece soluções para provedores de serviços de navegação aérea, autoridades urbanas, operadores de frotas e vertiportos, além de outros stakeholders no ecossistema de UAM. A solução engloba coordenação de voos de UAM, suporte à automação da área operacional dos vertiportos, gerenciamento do fluxo do espaço aéreo e gestão de conformidade”, explica.

Para o vice-presidente de Vendas e Relações Governamentais da Eve, David Rottblatt, o acordo representa um marco fundamental para a Eve enquanto a empresa amplia sua base global de clientes de vertiportos. “O Japão tem demonstrado grande proatividade e liderança mundial na promoção da mobilidade aérea urbana. Nesse contexto, a solução de Urban ATM da Eve terá um papel essencial para assegurar o transporte ágil e seguro de passageiros de eVTOLs (conhecidos por ‘carros voadores’) em cidades de alta densidade populacional”, afirma.

Como parte do acordo, as duas empresas unirão esforços em diversas frentes, que incluem a promoção do ecossistema de UAM no Japão e a realização de testes com o software de Urban ATM, contemplando a coleta e compartilhamento de dados. Além disso, as empresas irão cooperar na demonstração do design e testes de eVTOLs, no desenvolvimento de vertiportos, na obtenção de certificações operacionais e avanço de operações autônomas futuras. Essas atividades ocorrerão nas instalações da SkyScape, incluindo seu futuro local de pesquisa no país, conhecido como “Centro Integrado de Aviação” (IAC).

Seleção de fornecedores

A Eve informou também que selecionou dois novos fornecedores para sua aeronave elétrica de decolagem e pouso vertical (eVTOL). A Aciturri será responsável pelo desenvolvimento e fabricação dos revestimentos e longarinas das asas, bem como as bordas de ataque e de fuga. A Crouzet, por sua vez, fornecerá o controle do piloto, especificamente o joystick usado para controlar a aeronave em voo.

Ambos os fornecedores assinaram acordos que contemplam o ciclo de vida da aeronave, incluindo a produção de protótipos, além do serviço e suporte operacional pós-venda.

Publicidade

“Enquanto avançamos com a produção do nosso primeiro protótipo, estamos fechando acordos de grande importância”, destaca Johann Bordais, CEO da Eve. “Nossa prioridade é estabelecer uma relação sólida com cada um dos nossos fornecedores. Nesse sentido, Aciturri e Crouzet são parceiras com as quais temos grande expectativa de colaborar, visando o início das operações para 2026 em diante”, afirma.

Os novos fornecedores se juntam à Garmin, Liebherr Aerospace e Intergalactic, que foram anunciados em outubro de 2023, e à Nidec Aerospace LLC, uma joint venture entre a Nidec Corporation e a Embraer, BAE Systems e DUC Hélices Propellers, cujas parcerias foram divulgadas no Paris Air Show do mesmo ano. Em janeiro deste ano, a Eve selecionou quatro nomes adicionais, incluindo Thales, Honeywell, RECARO Aircraft Seating e FACC.

Em julho, a Eve revelou que sua primeira fábrica de eVTOL será estabelecida na cidade de Taubaté, em São Paulo. A empresa iniciou a montagem do primeiro protótipo do eVTOL em escala real, que dará sequência à campanha de testes em 2024. O eVTOL da Eve está programado para as primeiras entregas e entrada em serviço em 2026.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.