PUBLICIDADE

Cantor sertanejo Chrystian tem transplante de rim adiado

De acordo com nota publicada no Instagram do cantor, o procedimento será realizado apenas no final do ano

Foto do author Redação
Por Redação
Atualização:

Chrystian, ex-dupla de Ralf, está internado para realizar um transplante de rim. Nesta terça-feira, 27, a equipe do cantor publicou uma nota em seu Instagram, revelando que o procedimento, que estava marcado para março, foi adiado para o final do ano.

PUBLICIDADE

De acordo com a nota, o artista foi submetido a um cateterismo e agora terá que tomar um remédio por um semestre. “Esse procedimento exige o uso de uma medicação para afinar o sangue, por seis meses, e durante este tratamento não é permitido que seja realizada uma cirurgia”, diz a publicação.

Enquanto aguarda o transplante, o cantor irá seguir com a sua agenda de shows. “O cantor está bem, sem qualquer outro problema, e cumprirá a agenda de shows até a data da cirurgia que será marcada em breve”, esclareceu a equipe.

Chrystian foi internado para realizar um transplante de rim; mulher do cantor será a doadora Foto: Reprodução de vídeo / Instagram / @chrystiancantor

O que aconteceu

O cantor Chrystian, famoso pela dupla Chrystian e Ralf, foi internado em São Paulo para realizar exames pré-operatórios para um transplante de rim. A informação foi divulgada por equipe do cantor via Instagram nesta quinta, 22. “Chrystian tem um rim policístico, uma condição genética”, explica a nota.

O cantor precisa de doação de um novo órgão, que será feita pela mulher do sertanejo, Key Vieira. O procedimento será realizado no dia 11 de março, por meio de laparoscopia, método cirúrgico avançado e menos invasivo.

Crystian está internado no hospital HRIM – Hospital do Rim, da Fundação Oswaldo Ramos, na capital paulista. Ainda segundo a equipe, o paciente passa bem e seu retorno aos palcos já está marcado para o dia 20 de abril.

Atualmente, o cantor se dedica à carreira solo. A dupla de Chrystian com o irmão, Ralf, tem mais de 20 álbuns lançados e fez sucesso nos anos 1980 e 1990, com músicas como Mia Gioconda (trilha da novela O Rei do Gado), Cheiro de Shampoo e Nova York.

Publicidade

*Estagiária sob supervisão de Charlise Morais

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.