PUBLICIDADE

BBB: Relembre quem foram os 23 campeões das edições do reality show

Amanda levou a melhor no BBB 23, faturando o maior prêmio da história do programa; relembre os escolhidos do Brasil de cada ano

PUBLICIDADE

Foto do author Sabrina Legramandi
Por Sabrina Legramandi

O BBB 23 chegou ao fim. Prometendo o maior prêmio da história do reality show, o programa coroou Amanda Meirelles como a grande vencedora, que deixa o confinamento faturando R$ 2,88 milhões após ser escolhida pelo grande público com 68,9% dos votos nesta terça-feira, 25.

Diferente da edição do ano passado, que contou com uma final apenas com homens, neste ano, a campeã disputou uma final feminina contra Aline Wirley e Bruna Griphao. As duas receberam, respectivamente, 16,96% e 14,14% dos votos dos telespectadores.

Um dos maiores realities da televisão brasileira, o BBB já teve finais históricas com protagonistas marcantes. O programa já “mobilizou multidões” em torno de um vencedor e também já dividiu os telespectadores diante de uma disputa acirrada.

Relembre aqueles que foram os escolhidos do Brasil em cada edição do reality:


BBB 1: Kleber Bambam

Kleber Bambam foi o primeiro vencedor da história do BBB. Foto: Globo/Divulgação

PUBLICIDADE

Primeiro vencedor da história do programa, Kleber Bambam foi escolhido com 68% dos votos do público.

Ele chamou a atenção por ter criado uma “boneca” para interagir durante o confinamento, Maria Eugênia. À época, o prêmio do programa somava R$ 500 mil.

Mais tarde, Bambam seria convidado para participar do BBB 13. Ele, porém, desistiu e pediu para deixar a casa na primeira semana.

Publicidade


BBB 2: Rodrigo Cowboy

Rodrigo Cowboy foi vencedor do BBB 2. Foto: Globo/Divulgação

Em 2002, foi a vez de Rodrigo Cowboy ser escolhido pelos telespectadores do reality. Ele encerrou a passagem pelo programa com 65% dos votos e, assim como Bambam, levou R$ 500 mil para casa.

O domador de cavalos chamou a atenção por sempre usar um chapéu de vaqueiro com a imagem de Nossa Senhora Aparecida.

Em 2007, Rodrigo acabou preso por estelionato e tentativa de homicídio. À época, o ex-BBB teve de pagar uma fiança de R$ 30 mil.


BBB 3: Dhomini Ferreira

Dhomini foi o grande campeão do BBB 3. Foto: Jaq Joner/Globo/Divulgação

Dhomini terminou como o vencedor da terceira edição do Big Brother Brasil, recebendo 51% dos votos do público em uma disputa acirrada contra Elane.

A passagem do brother pelo programa também ficou marcada pelo relacionamento que viveu com a agora apresentadora Sabrina Sato.

Assim como Kleber Bambam, Dhomini também chegou a participar do BBB 13, mas foi eliminado.


BBB 4: Cida dos Santos

Cida dos Santos foi a primeira mulher a vencer o BBB. Foto: Globo/Divulgação

Foi apenas na quarta edição do BBB, em 2004, que o programa contou com uma mulher vencedora pela primeira vez. Cida dos Santos foi escolhida pelo público com 69% dos votos.

Publicidade


BBB 5: Jean Wyllys

Dois ex-BBBs que se mantêm em evidência até os dias de hoje são Jean Wyllys e Grazielli Massafera, campeão e vice-campeã da 5ª edição do reality show. Foto: Renato Rocha Miranda/Globo/Divulgação

Jean Wyllys foi o único homem gay a vencer o programa e o primeiro a faturar o prêmio de R$ 1 milhão. Ele disputou uma final marcante com a agora atriz Grazi Massafera, mas acabou como o grande campeão com 55% dos votos.

Desde 2009, Jean vem construindo uma carreira política, sendo ex-deputado federal pelo Rio de Janeiro. Atualmente, ele é filiado ao Partido dos Trabalhadores (PT).


BBB 6: Mara Viana

Mara foi vencedora do BBB 6. Foto: Kiko Cabral/Globo/Divulgação

Em 2006, o programa contou com a primeira final formada apenas por mulheres da história. Mara e Mariana disputaram o grande prêmio, mas Mara terminou como a escolhida pelo público, somando 47% dos votos.


BBB 7: Diego Alemão

Diego Gasques, mais conhecido como 'Alemão', foi o grande vencedor da 7ª edição do 'Big Brother Brasil'. Foto: Kiko Cabral / Globo / Divulgação

Conhecido pelo apelido Diego Alemão, Diego Gasques foi o grande vencedor do BBB 7 com a maior taxa de aprovação do público até então. Diego recebeu 91% dos votos e levou o prêmio de R$ 1 milhão para casa.


BBB 8: Rafinha

Rafinha comemora a vitória com familares e amigos depois de sair da casa do BBB 8 e ganhar R$ 1 milhão. Foto: Marcos D'Paula/AE

Em 2008, a votação do BBB teve de ser estendida por um minuto por conta de um empate na votação. Rafinha terminou como o grande vencedor em uma disputa acirrada contra Gyselle, recebendo 50,15% dos votos.

A passagem do músico ficou marcada pela criação do programa humorístico Rádio Pinel, que foi criada pelo ex-brother ao lado de Alexandre e Marcão.


BBB 9: Max Porto

Max Porto foi o grande vencedor do BBB 9. Foto: Renato Rocha Miranda/Globo/Divulgação

Considerado um dos participantes mais “estrategistas” entre os campeões, Max Porto venceu em uma disputa de décimos contra Priscila. O brother somou 34,85% dos votos, enquanto a sister recebeu 34,61%.

Publicidade

A passagem de Max pelo programa ficou marcada pelo relacionamento com a participante Francine, que namorou por um tempo após o reality. No BBB 9, um muro foi criado para separar os participantes entre os lados A e B. O vencedor fazia parte do lado B.


BBB 10: Marcelo Dourado

Marcelo Dourado é um dos poucos nomes na história do programa que já foi ex-BBB por 'duas vezes': participou do reality show em 2004 e, seis anos depois, retornou para ser o grande campeão. Foto: Renato Rocha Miranda/Globo/Divulgação

Marcelo Dourado já havia participado do programa em 2004, mas foi apenas na segunda participação, em 2010, que o brother terminou como campeão. Foi a primeira e a única vez em que isso aconteceu na história do reality.

À época, o prêmio passou a somar R$ 1,5 milhão. O lutador terminou recebendo 60% dos votos do público.


BBB 11: Maria Melilo

Maria foi vencedora do BBB 11. Foto: Frederico Rozário/Globo/Divulgação

Em 2011, foi a vez de Maria Melilo vencer o programa. Ela recebeu 43% dos votos e conquistou o público pelo bom-humor.

BBB 12: Fael

Fael foi campeão do BBB 12. Foto: João Cotta/Globo/Divulgação

Fael foi o grande vencedor do BBB 12, recebendo a alta taxa de aprovação de 92% dos votos. À época, o programa era dividido entre Selva e Praia e o brother fazia parte do time Praia. Fael também viveu um relacionamento com Noemí, intercambista espanhola do reality.


BBB 13: Fernanda Keulla

Fernanda Keulla foi a 13ª vencedora da história do BBB. Foto: João Cotta/Globo/Divulgação

Fernanda Keulla foi a escolhida do público no BBB 13, somando 62,79% dos votos. A ex-sister seguiu a carreira de apresentadora após o programa e chegou a apresentar o Vídeo Show, na Rede Globo.


BBB 14: Vanessa Mesquita

Clara e Vanessa tiveram um relacionamento dentro do BBB. Ao final do programa, Vanessa foi a campeã e Clara ficou na 3ª colocação. Foto: Frederico Rozario/Globo/Divulgação

Em 2014, o programa contou novamente com uma final feminina. Vanessa Mesquita terminou como a grande vencedora, somando 53% dos votos.

Publicidade

A passagem dela pelo programa ficou marcada pelo relacionamento com Clara, que foi a terceira colocada do reality.


BBB 15: Cézar Lima

Cézar Lima foi o grande campeão do BBB 15. Foto: Paulo Belote/Globo/Divulgação

Cézar Lima foi o escolhido do público no BBB 15, com 65% dos votos. A passagem do brother foi marcada pelos termos paranaenses usados pelo campeão.


BBB 16: Munik Nunes

Munik Nunes foi a grande vencedora do BBB 16. Foto: Pedro Curi/Globo/Divulgação

Aos 19 anos, Munik Nunes foi a vencedora mais jovem da história do programa. A sister ficou conhecida pelo grupo que fez com outros participantes marcantes do BBB 16: Dona Geralda, Ronan e Ana Paula Renault.


BBB 17: Emilly Araújo

Emilly Araújo foi campeã do BBB 17. Foto: Paulo Belote/Globo/Divulgação

Em 2017, foi a vez de Emilly Araújo vencer o programa. A sister entrou no programa ao lado da irmã gêmea, Mayla Araújo, mas as duas tiveram de se enfrentar em um paredão. Ela recebeu 58% dos votos do público.


BBB 18: Gleici Damasceno

Gleici Damasceno foi a grande campeã do BBB 18. Foto: Reprodução de vídeo/Rede Globo

Gleici saiu como a grande vencedora da final disputada entre ela, Kaysar, Ana Clara e Ayrton. Ela recebeu 57,28% de aprovação do público.

Dentre os momentos mais marcantes da sister, estão o retorno dela de um paredão falso. Gleice escolheu usar uma das frases ditas por Clara, personagem de Bianca Bin na novela O Outro Lado do Paraíso: “Vocês não imaginam o prazer que é estar de volta”.


BBB 19: Paula Von Sperling

Paula Von Sperling foi a vencedora do BBB 19. Foto: Victor Pollak/Globo/Divulgação

Em uma das vitórias mais controversas do Big Brother Brasil, Paula Von Sperling terminou como a grande campeã do BBB 19. Paula recebeu 61,09% dos votos na ocasião.

Publicidade

A passagem da advogada pelo programa foi criticada por falas racistas e intolerantes feitas por ela ao longo do reality.


BBB 20: Thelma

Thelma foi a vencedora do BBB 20. Foto: Reprodução de vídeo/Rede Globo

Um dos BBBs mais expressivos da história do programa, a 20ª edição do reality ficou marcada pela vitória de Thelminha. Pela primeira vez, a atração trouxe a participação de famosos, chamados como grupo Camarote.

Thelma enfrentou uma final com duas integrantes do grupo Camarote, Manu Gavassi e Rafa Kalimann, mas terminou como a grande campeã, somando 44,1% dos votos.


BBB 21: Juliette

Juliette foi a vencedora do BBB 21. Foto: Reprodução de vídeo/Rede Globo

Em outra edição marcante do programa, Juliette se consagrou como uma das figuras mais queridas da história do BBB, vencendo com 90,15% dos votos. A sister também disputou a final ao lado de Camarotes: Fiuk e Camilla de Lucas.

A agora cantora se tornou a participante mais seguida de todas as edições do reality, acumulando 24 milhões de seguidores nas redes sociais. Ela conquistou uma legião de fãs, apelidados de “cactos”.


BBB 22: Arthur Aguiar

Arthur Aguiar foi o vencedor do BBB 22. Foto: Reprodução de vídeo/Rede Globo

Em 2022, o BBB teve a primeira final masculina da história e também o primeiro participante do grupo Camarote a vencer o programa. Arthur Aguiar disputou a final contra os também Camarotes Paulo André e Douglas Silva, mas terminou como o grande campeão, somando 68,96% dos votos.

BBB 23: Amanda Meirelles

Amanda foi a grande campeã do BBB 23. Foto: Reprodução de vídeo/Rede Globo

Na 23ª edição do reality, o público coroou novamente uma Pipoca como a grande vencedora. Amanda também disputou a final com duas Camarotes aliadas, Bruna Griphao e Aline Wirley, mas acabou levando a melhor.

Publicidade

A médica ganhou 68,9% dos votos. No discurso da vitória, Tadeu Schmidt, o apresentador do programa, disse: “Como se consegue isso? Admiração, simpatia, carisma, personalidade. Você se conectou com as pessoas de maneira especial. Você estendeu a mão pra uma pessoa e milhares de pessoas estenderam a mão pra você”.


*Estagiária sob supervisão de Charlise de Morais

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.