Publicidade

Belfort desafia Popó; veja resposta do boxeador e seus planos revelados no ‘Encontro’, da Globo

Ex-campeão do UFC criticou luta do boxeador com Bambam horas antes do evento e fez convite para novo combate; Popó revela projetos ao ensinar a apresentadora Patrícia Poeta a lutar

PUBLICIDADE

Foto do author Leonardo Catto
Por Leonardo Catto
Atualização:

Acelino Popó Freitas já tem um novo desafio depois de derrotar Bambam em menos de 40 segundos. Ainda antes do Fight Music Show 4 (FMS) na madrugada deste domingo, o ex-campeão do UFC Vitor Belfort desafiou Popó para um confronto entre os dois. O lutador também criticou o boxeador por lutar apenas contra “adversários fracos” e fez provocações na redes. Na manhã desta segunda, enquanto ensinava a apresentadora Patrícia Poeta a lutar, o boxeador revelou parte dos seus planos para a temporada.

PUBLICIDADE

Em vídeo postado no Instagram, Belfort definiu a luta de Popó com o campeão do BBB 1 uma “sem-vergonhice”. “Voltei a treinar. Em breve, vou anunciar luta contra um lutador que é lenda. Esse lutador é admirado mundialmente. E vale a pena você investir o seu dinheiro no pay-per-view. Mas o pay-per-view de hoje eu acho uma sem-vergonhice do Popó”, disparou o ex-campeão do UFC.

Belfort também desejou boa sorte para Bambam, torcendo para que ele pudesse acertar um “pombo sem asa” em Popó, o que não aconteceu nos 36 segundos em que ficou de pé no ringue. “O Popó é um amarelão, só pega lutador fraco. Você não tem meu respeito. Você começou a falar de José Aldo, de Vitor Belford, começou a abrir a boca”, comentou.

Entre os ataques ao tetracampeão mundial de boxe, o ex-UFC comentou até da aparência e de procedimentos estéticos feitos por Popó no rosto. “Meu irmão, sua cara está toda deformada. Para de ir nesse médico, seu botox está muito mal colocado. Se tu não ganhar (do Bambam), esquece, nem vai lutar comigo. Mas, se ganhar, vou te dar uma coça. Está preparado?”, questionou Belfort.

Apesar do ímpeto de Belfort em provocar Popó, o convite parece já ter uma resposta definitiva. Em entrevista ao programa Encontro, da Rede Globo, neste segunda, Popó negou a possibilidade. Pelo menos por enquanto. “Sou fã do Vitor. Não queria falar mal, como vai falar mal de alguém de quem a gente é fã? Infelizmente, essa oportunidade não vou te dar, não. Deixa ele quietinho que é melhor”, disse Popó.

O plano de Popó é outro. Ele quer repetir lutas contra os três desafiantes que já enfrentou. Júnior Dublê, Pelé Landy e novamente Bambam. Assim como o ex-BBB, Popó também venceu os outros dois por nocaute. “Minha ideia é juntar Duble, Bambam e Pelé. E eu lutar com os três na mesma noite, no mesmo dia. Seria minha luta de encerramento neste ano. Eu quero pegar os três que nocauteei no mesmo dia. Vou nocautear os três de novo”, revelou no programa.

Popó derrotou Bambam em menos de 40 segundos de combate. Foto: Mariana Lima/FMS

Segundo Popó, ele já comunicou a vontade para a organização do Fight Music Show. Agora, ele teria de começar a preparação para a maratona de lutas. Para enfrentar Bambam, o boxeador teve de aumentar oito quilos no peso. “Hoje tem mais profissionais do meu lado. Diminui a parte física e coloquei um pouco mais de peso, musculação. Até pela idade. Trabalho bacana de alimentação. Minha mulher é minha nutricionista”, comentou, apontando para a plateia do programa global, onde estava Emilene Juarez, que lutou e venceu no último sábado.

Publicidade

Ainda que entre risos e com reencontro amigável após a luta, Popó revelou ter sido difícil manter o decoro antes de entrar no ringue devido às provocações de Bambam. “Foi a primeira vez, em 33 anos de boxe, que alguém mexeu com meu psicológico”, confessou. Popó e Bambam tiveram boa bolsa financeira para realizar a luta.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.