PUBLICIDADE

Foto do(a) blog

O blog voltado ao cidadão e ao consumidor

Falta de iluminação pública: leitor afirma que falta de luz deixa local vulnerável em Santo André

Prefeitura do município do ABC disse que vistoriou o local e que a manutenção já foi realizada

Foto do author Renata Okumura
Por Renata Okumura

Rodrigo Fernandes cobra melhorias na iluminação pública do Viaduto Engenheiro Luís Meira, em Santo André, no ABC paulista.

Reclamação de Rodrigo Fernandes: “Gostaria de pedir auxílio para resolver uma questão de falta de iluminação pública que afeta moradores e trabalhadores de Santo André, no ABC paulista. Já faz um ano que estou reclamando sobre a falta de iluminação no entorno do Viaduto Engenheiro Luís Meira, mas até agora nada. Nota zero para a zeladoria neste trecho da cidade. Não adianta fazer obras e dois meses depois, deixar tudo abandonado. Se o problema é furto de cabos, que faça o reforço do policiamento e do quadro de força. Local escuro e perigoso para estudantes e motoristas que passam pela Avenida Prestes Maia. Peço ajuda para que as autoridades responsáveis tomem as medidas necessárias para que o caso seja o quanto antes resolvido. Muito obrigado desde já pelo apoio.”

Leitor se queixa de falta de iluminação pública. Foto ilustrativa. Não usar após a publicação. Foto: Adobe Stock

PUBLICIDADE

Resposta da Prefeitura de Santo André, por meio da Secretaria de Infraestrutura e Serviços Urbanos: “A Prefeitura de Santo André, por meio da Secretaria de Infraestrutura e Serviços Urbanos, esclarece que após vistoria realizada no local, uma equipe de manutenção da Gerência de Iluminação Pública realizou reparos de cabos e fiação no local para restabelecer a iluminação. Permanecemos à disposição para mais esclarecimentos.”

Caso o leitor necessite, pode entrar em contato novamente que daremos andamento ao seu caso.

Envie suas reclamações

Mande uma mensagem para o e-mail spreclama@estadao.com. Nossa reportagem vai apurar a denúncia e apresentar a resposta no blog Seus Direitos, um espaço voltado ao cidadão e ao consumidor.

Publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.