PUBLICIDADE

Cissa Guimarães, ex-mulher de Paulo Cesar Pereio, lamenta morte do ator: ‘Fizemos filhos e história’

Atores foram casados entre as décadas de 1970 e 1980, e tiveram dois filhos juntos, Thomaz e João

Foto do author Redação
Por Redação
Atualização:

Paulo César Pereio morreu aos 83 anos de idade neste domingo, 12. Entre os artistas que lamentaram sua morte, está a atriz e apresentadora Cissa Guimarães, com quem o ator foi casado nas décadas de 1970 e 1980. No Instagram, ela fez uma postagem emocionada.

Cissa Guimarães e Paulo Cesar Pereio durante entrevista no programa 'Sem Frescura'', em 2004 Foto: Reprodução de 'Sem Frescura' (2004)/Canal Brasil

“Pereio, grande amor da minha vida, te sinto e te tenho nos nossos ‘sucedâneos’ [filhos] Thomaz e João, que você pediu tanto para mim! Te agradeço, meu amor, por tanto aprendizado e amor. Eu era uma menina e você me mostrou o mundo e o amor pelo nosso ofício!”, escreveu.

PUBLICIDADE

Em seguida, Cissa Guimarães prosseguiu: “Fizemos filhos e história, meu amor, e agora temos nossos netos lindos para continuar nosso amor, que será sempre eterno! Brilhe, como sempre, nos palcos e telas do céu, para que todos nós sejamos abençoados pelo seu talento, sua verdade e sua coragem! Te amo e te reverencio!”

“Obrigada pelos nossos sagrados filhos, obrigada, obrigada, obrigada! Vai na luz, meu companheiro, com todo meu amor! Salve Paulo Cesar Pereio!”, encerrou.

Paulo Cesar Pereio e Cissa Guimarães

Relembre abaixo uma ocasião em que o ator entrevistou a ex-mulher em seu programa, o Sem Frescura, em 2004.

Atores lamentam morte de Paulo Cesar Pereio

Mais cedo, Stepan Nercessian, presidente do Retiro dos Artistas, onde Pereio morava nos últimos anos, fez uma publicação lamentando a morte do ator. Diversos artistas o acompanharam nos comentários.

Publicidade

Elizabeth Savala endereçou os sentimentos à colega e ex-mulher de Paulo Cesar: “Cissa [Guimarães] e lindos filhos, meus sinceros sentimentos”. Julio Andrade prestou condolências: “Ah, meu amigo. Que perda! Meus sentimentos!”.

Marcelo Serrado comentou: “Que tristeza”. E Nizo Neto, um dos filhos de Chico Anysio, que também trabalha com dublagens, relembrou os trabalhos de Pereio como locutor: “Que voz! Triste...”

Paulo César Pereio Foto: Paulo Giandalia/AE
Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.